Search Results for: diário dos 30

6 alimentos para um efeito detox

fruit-detox

 

Quem tem acompanhado este blog com frequência sabe que o clima aqui já é de preparação para o verão que vem por aí. Teve post sobre as tendências de moda que estão bombando no verão do hemisfério norte e das razões para começar a ficar com o corpo em forma agora mesmo. A gente sabe, no entanto, que existe um cuidado fundamental para entrar de cabeça na próxima estação: a alimentação. O objetivo não é exagerar na dieta e muito menos passar fome, mas lembrar dos benefícios de um cardápio balanceado – o que não exclui aquela escapadinha de vez em quando, né? Afinal, somos humanas!

Por isso, criei uma listinha com seis alimentos superfáceis de encontrar e que prometem aquele efeito detox, ou seja, um resultado rápido. Ficou curiosa? Então vamos lá:

 

Maçã

folhas-de-mac3a7c3a3-nb4505

 

Vamos combinar: a maçã parece mesmo sem graça, não parece? Rola até uma preguiça na hora de comer. Pois está na hora de revermos os nossos conceitos. Isso porque a fruta oferece uma série de benefícios para a saúde. Por onde começar? Bom, ela protege os ossos, afasta o risco de doenças respiratórias e, adivinhem só, auxilia na perda de peso! Com o poder de desintoxicar o fígado e de reduzir os níveis de colesterol, ela é uma baita ajuda na missão de ficar com o corpo em forma (Viva!).

 

Couve

semente-couve-hibrida-manteiga-kobe-f1-1000-mx-201410031003181

Eu sei, você fez cara feia quando pensou na verdura. Eu também não sou muito fã (só consigo consumir se for bem misturadinha no suco verde), mas a couve é uma superamiga. Rica em fibras, causa a sensação de saciedade e ajuda a combater aquela vontade de comer algo gorduroso no meio da tarde por pura gula. O que mais? Ela também dá uma renovada na pele e filtra a gordura, fazendo com que a gente consiga eliminar tudo de ruim que comemos ao longo do dia. Ah, também controla o nosso humor. Ficar feliz é uma ajuda e tanto, não é mesmo?

 

Pepino

pepino

Outro que não agrada muito, mas que deve ser incluído no dia a dia porque contribui e muito para a nossa saúde. Em primeiro lugar, é pouco calórico e rico em água, ou seja, hidrata e ajuda no emagrecimento ao mesmo tempo. Ele também melhora o processo de digestão, controla o colesterol e… É ótimo para ressaca. Por ter açúcar e vitaminas, ajuda a repor os nutrientes perdidos após uma noite de excessos. Basta comer algumas fatias antes de dormir para acordar renovada.

 

Melancia

imagem_release_306899 (1)

Sou suspeita, gente! Adoro melancia, acho uma fruta tão gostosa e fresquinha. Além de ter um sabor bem doce, ela tem quase 90% de sua composição formada por água e contribui para hidratar o corpo todo. Também é um ótimo remédio para quem sofre de inchaços ou de problemas de circulação. E tem mais: ao contrário do que muita gente pensa, ela é pouco calórica (são só 20 calorias a cada 100 gramas) e rica em vitaminas, minerais e potássio. O resultado? Aquele empurrãozinho para te ajudar no Projeto Verão.

 

Chá verde

cha-verde-650

Você já deve ter escutado muitas coisas sobre o chá verde. Existe até uma discussão de especialistas para saber sobre os benefícios da bebida, mas já é comprovado que ele ajuda, sim, a regular a queima de gorduras. Esse efeito vem dos flavonoides, substâncias que atuam no sistema nervoso e contribuem para atingir o peso dos sonhos. Só tem um probleminha: o chá verde é rico em cafeína e não deve ser consumido próximo da hora de dormir porque pode atrapalhar na qualidade do sono, combinado?

 

Água

dicas_copo_agua

Não dava para deixar a água de lado, não é? É o jeito mais fácil de manter todo o corpo hidratado e protegido. A pele também agradece, já que a água elimina toxinas e resulta em uma aparência mais saudável. Se a intenção é perder peso, aqui vai uma boa notícia: beber água gelada é um bom recurso para promover queima calórica. O consumo médio diário varia de acordo com a pessoa, mas vale consumir mesmo quando não tiver sede, ainda mais se o tempo estiver seco.

 

Mais uma vez, a dica é se sentir bem com o próprio corpo. Olhou para o espelho e gostou do resultado, mesmo não sendo aquele das capas de revista? Então se joga e aproveita a vida! 🙂

[Resenha] Luminous Stick Iluminador – Contém1g

Sem título

Entre todos os itens de make, o iluminador sempre foi o que mais me deixou com dúvidas. Até sabia que a função dele era, adivinhem só, iluminar e destacar os pontos mais importantes do rosto. Mas quais seriam esses pontos? Como saber qual dose é a mais indicada? Como sou curiosa por natureza, fiz algumas pesquisas, vi alguns vídeos e achava que já tinha entendido tudo. Só que eu sempre acabava aplicando muito produto e saía com mais brilho do que o necessário. E a gente sabe que não tem nada mais feio do que maquiagem carregada de iluminador, certo?

Pois bem. Outro dia comentei aqui no blog que fui conferir as novidades da Contém1g Perdizes, única loja da rede em rua na cidade de São Paulo, e que acabei completamente surpreendida com o ótimo atendimento da equipe de vendedoras. Cheguei lá com mil dúvidas e elas souberam responder tudo com a maior paciência. Entre as minhas queixas estava a pergunta que não queria calar: como usar iluminador?

Foi aí que elas me sugeriram o Luminous Stick, um dos best-sellers da marca. O que ele tem de diferente? É um iluminador em caneta. Vejo muito iluminador por aí em pó ou líquido, mas foi a primeira vez que soube de um iluminador em bastão dessa forma. A maior vantagem desse formato é que permite a dose certa, ou seja, não tem como exagerar.

IMG_5173[1]

As meninas da loja são tão atenciosas que me ensinaram na hora como usar o produto. Desde então, estou completamente viciada. O formato em caneta realmente tem muitas vantagens. Além da dose correta, permite ver o resultado em segundos. É só passar nas áreas indicadas para notar a região mais brilhante. Aliás, é importante lembrar que essa questão varia de acordo com o tipo de rosto. O meu, por exemplo, é mais oval, então devo valorizar a parte central, como nariz, testa e queixo.

Estava acostumada a usar iluminadores em pó ou líquido e era mestre em desperdiçar produto. Sempre caía uma quantidade a mais na minha bancada, sabe? Com o Luminous Stick esse problema não existe. O material está ali, firme e durinho. E vamos combinar que é esse formato é muito mais prático, até mesmo para levar em viagens.

IMG_5177[1]

Tem mais. O produto, assim como todos os outros itens da marca, foram pensados na pele da mulher brasileira, que tem necessidades próprias. Então é garantido que você usa um produto ideal para o seu rosto e com uma fórmula leve que não agride e não provoca alergias. Por falar nisso, a proposta é justamente essa: oferecer uma textura sedosa com aplicação uniforme.

Como falei antes, estou totalmente viciada neste iluminador. Virou item obrigatório da minha necessaire e faz parte do meu ritual diário de maquiagem. Essa é outra vantagem: dá para passar em qualquer horário do dia, é só controlar a intensidade do brilho. Não é à toa que o produto é um dos mais vendidos lá da Contém1g Perdizes. Com todos esses benefícios e uma equipe extremamente dedicada, o sucesso é garantido!

Pontos fortes do rosto valorizados em segundos graças ao Luminous Stick

Pontos fortes do rosto valorizados em segundos graças ao Luminous Stick

Gostou? Então aproveita a boa notícia: Leitoras do Fik Dik têm 10% de desconto em compras na Contém1g Perdizes. Isso mesmo. Basta usar a senha “FIKDIK Blog” e arrasar. Não é a desculpa perfeita para adquirir um Luminous Stick e comprovar os benefícios por conta própria? A Contém1g Perdizes fica na Rua Cardoso de Almeida, 731, esquina com a Rua Dr. Homem de Melo, em Perdizes. Ah, eles estão abertos de segunda à sábado, das 10h às 20h. Quero ver todo mundo fazendo bonito com o iluminador, combinado?

Avaliação: ♥♥♥♥♥

Top 5 – Filmes para comemorar o Dia do Amigo

8364499611_52d9278c91_o

Nesta segunda (20) comemora-se o Dia do Amigo. É aquele momento de receber e mandar mensagens para aquelas pessoas que são especiais na nossa vida. Afinal, somos obrigadas a concordar que não existe nada melhor do que ter um amigo ao nosso lado, aquele que está por perto em todos os momentos (bons ou ruins).

Alguém arrisca um palpite sobre a origem da data? Vamos lá: em 20 de julho de 1969, o homem pisou na lua pela primeira vez e o médico argentino mandou cartas para vários países e em vários idiomas, pois considerava o feito um símbolo de união entre as pessoas.

Por isso, a dica é entrar no clima e aproveitar o fim de semana para reunir os amigos e preparar uma maratona de filmes que falem sobre o tema. O top 5 de hoje está cheio de boas opções. Vamos conferir?

Agora e sempre

1345535210955_originaal

Foi o meu filme favorito durante a infância. Perdi a conta de quantas vezes vi. E olha que foi lançado em 1995, uma época em que não existiam DVDs e internets. Naquela época a gente tinha que alugar a fita VHS e eu aluguei uma centena de vezes, juro! O principal motivo? É a típica história de amizade entre mulheres que a gente tanto gosta!

Inseparáveis nas férias de verão de 1970, quando tinham apenas 12 anos, quatro amigas voltam a se encontrar 25 anos mais tarde e começam a lembrar dos bons momentos. O enredo pode até ser bobinho, mas é legal ver que muitos sonhos que elas tinham viraram realidade ou ficaram no passado. E mais: muitos desses desejos são os mesmos que nós temos. Ou seja, algo que não muda nem com o passar de décadas. Filme LINDO e imperdível!

Monstros S.A.

_monsters_inc_prequel_officially_titled_monsters_university_A cota Disney dos meus top 5 vem com uma das animações mais bonitinhas da última década. Quando Monstros S.A. chegou aos cinemas, em 2001, ninguém botava muita fé. Eu mesma achava que o filme tinha todo o jeito de ser chatinho. Só que os comentários foram tão positivos que ele se tornou extremamente querido. Tudo porque aposta em uma forma criativa para falar de um tema que todos nós conhecemos: a amizade.

Essa relação é mostrada de duas formas. No começo, quando sabemos que Mike e Sully são inseparáveis e fazem tudo juntos, até mesmo trabalhar como monstros que assustam crianças enquanto estão dormindo. O problema é que essa amizade fica conturbada quando Sully se afeiçoa pela garotinha Boo, uma humana que entrou por acaso no mundo dos monstros. Apesar do ciúme de Mike, eles precisam se unir para fazer com que Boo (aliás, a personagem mais fofa dos últimos tempos) volte ao seu lugar.

Thelma e Louise

thelma_and_louiseAssim que pensei neste top 5, lembrei do filme que, na minha opinião, é o que mais simboliza a amizade feminina. Verdadeiro clássico da década de 90, traz as duas mulheres do título como protagonistas de uma aventura com direito a tudo que a gente gosta: romance, aventura, fugas em alta velocidade, paisagens inspiradoras e por aí vai!

Thelma é dona de casa, enquanto Louise é garçonete. Ambas possuem algo em comum: estão cansadas da vida que levam. É a desculpa perfeita para largarem tudo para trás e caírem na estrada. Só que nem tudo é perfeito e, no meio do caminho, elas se envolvem em um crime e precisam escapar da polícia. Vale inclusive pelo final – não vou contar para não estragar a surpresa – que eu amo e que entrou para a lista das cenas mais clássicas do cinema.

Os Goonies

gooniesOutro filme que eu amava quando criança e que amo até hoje. Os Goonies foi mais um da série de filmes de aventura lançada na década de 80 e estrelada por crianças. Um dos motivos que explicam o sucesso é o fato de tornar realidade muitos dos nossos sonhos de infância: turma de amigos, caça ao tesouro, navio pirata e muita diversão!

Os Goonies sempre se reúnem quando o assunto é perigo e mistério e encontram uma oportunidade de ouro quando entram em uma casa abandonada. Cada ambiente revela uma surpresa e os garotos embarcam em um verdadeiro labirinto que parece não ter fim. Essa trilha pra lá de envolvente só faz com que eles saiam ainda mais unidos. É a pedida ideal para assistir com uma turma gostosa de amigos. E ver e rever quantas vezes quiser. Vale a pena!

Intocáveis

intocaveisEsse filme prova que a amizade surge da maneira mais improvável possível. Vindos de mundo diferente, um ex-presidiário e um rico aristocrata se unem em um momento pra lá de delicado. Acostumado a viver no mundo da riqueza, Philippe fica tetraplégico depois de um acidente de paraquedas e resolve contratar Driss como seu cuidador. O problema é que ele só se candidatou ao emprego para continuar a receber o seguro desemprego e não faz ideia de como cuidar do paciente.

Com momentos engraçadíssimos e outros mais dramáticos, tem uma mensagem linda e mostra como uma amizade sincera pode nos transformar em pessoas melhores. Esse também faz parte daquela lista de filmes que a gente pode ver e rever sem enjoar. E eu recomendo deixar uma caixinha de lenços por perto porque é impossível segurar a emoção.

Seja qual for a escolha, aproveite para contar aos seus amigos como eles são especiais não só no dia da amizade, mas sempre. Feliz Dia do Amigo!

Top 10: Os casais mais fofos do cinema

CA-dia-namorados-casais-inspiradores-disney-carl-elie-D-732x412

Quando era mais nova, tinha pânico só de pensar no Dia dos Namorados, comemorado nesta sexta-feira (12). Era terrível ser solteira e ver todas as amigas recebendo flores, pensando em presentes ou então no jantar. Superei meu trauma ao perceber que a data não tem nada de mais. Ok, é um dia fofinho e normalmente cheio de surpresas, mas o certo seria você ser surpreendida pelo namorado nos outros dias, concordam?

Pois bem, para celebrar a data, preparei uma lista com os casais mais fofos do cinema. Faço sempre listas com cinco opções, mas encontrei tantas duplas bonitinhas que o Top 5 acabou virando Top 10. E como o assunto é romance, a maioria dos filmes é bem água com açúcar. Vamos saber quais são?

Kat e Patrick (10 Coisas que Eu Odeio em Você)

10-things-i-hate-about-youVerdadeiro clássico do final dos anos 90, o filme é uma versão atualizada de “A Megera Domada”, de Shakespeare. A história gira em torno de um garoto que se apaixona por uma menina, mas só pode namorá-la depois que a irmã mais velha dela, Kat, também estiver encaminhada. Parece fácil, mas a irmã é insuportavelmente chata e, por isso, não arruma ninguém. Escalado para a missão, o bad boy Patrick tenta conquistar Kat.

Por conquistar, entenda canções no meio da escola, declarações e muita fofura. É tudo tão bonitinho que eles descobrem que estão apaixonados de verdade e a gente, claro, torce para que fiquem juntos. A história fez tanto sucesso que serviu de inspiração para a novela “O Cravo e a Rosa”. Para resumir: podemos ver inúmeras vezes sem enjoar.

Fiona e Shrek (Série Shrek)

shrek-and-fiona-weddingShrek foi um dos maiores acertos do mundo dos filmes de animação dos anos 2000. Ninguém botava muita fé quando a primeira parte saiu, mas todos que viram saíram surpreendidos e incentivaram outras pessoas a assistir. Tudo porque faz uma crítica muito divertida aos contos de fada. Para quem nunca viu, mostra a história de um ogro que precisa resgatar a princesa Fiona.

Eles não têm nada a ver, mas Shrek descobre que Fiona se transforma em ogra à noite. A partir daí, percebem que têm muitas coisas em comum e decidem se casar. São tão fofos juntos que fizeram uma série de quatro filmes para mostrar a vida deles, incluindo a chegada dos três bebês ogros. Meu favorito é o segundo, que começa quando eles voltam de lua de mel.

Summer e Tom (500 Dias com Ela)

summer1Lançado em 2009, o filme foi uma verdadeira revolução e conquistou inúmeras fãs. Vi alguns meses depois e não achei tudo isso, mas gostei por mostrar um relacionamento do ponto de vista do homem. Como o próprio nome diz, a história aborda os 500 dias em que Tom e Summer se relacionaram.

É bacana ver que os homens podem sofrer por amor da mesma forma que a gente e que também sonham. A cena mais legal, para mim, é a que a tela é dividida entre a expectativa de Tom e a realidade em que vive. Também vale a pena por causa do figurino de Summer, que é cheio de estilo.

Vivian e Edward (Uma Linda Mulher)

pretty-woman_0_0Esse filme é tão atual que a gente custa a acreditar que ele já tem 25 anos. Chocante, né? Em 1990, Julia Roberts ainda era a rainha das comédias românticas e interpretou, ao lado de Richard Gere, um dos casais mais clássicos do cinema contemporâneo. Na história, ela é Vivian, uma garota de programa contratada por um milionário que a transforma em uma mulher elegante para acompanhá-lo em eventos da sociedade.

Rapidamente, passam a nutrir um sentimento de respeito e amizade que, mais tarde, se transforma em um relacionamento. Mas, para ficarem juntos, eles precisam lidar com o preconceito e o julgamento das outras pessoas. Muito fofinho, o filme também ficou conhecido pela música Pretty Woman. Aliás, é só pensar nele que começo a cantar mentalmente a canção.

Bridget e Mark (O Diário de Bridget Jones)

Film Title: Bridget Jones: The Edge of ReasonBecky Bloom é, sem dúvida, a minha melhor amiga no mundo dos livros. Mas, assim como a Becky, Bridget Jones pode ser considerada uma inspiração para muitas mulheres. Acontece que ela é tão gente como a gente que a identificação é imediata. O filme é tão bonitinho e, ao mesmo tempo, engraçado que mais parece nossa vida no cinema.

Bridget é uma mulher de trinta e poucos anos que decide escrever um diário com diversas resoluções de ano novo, entre elas arrumar um namorado. Ela até conhece um cara bonitão e sedutor, mas é pelo eterno Mark Darcy que a gente suspira. Ele é comum, mas muito atencioso e carinhoso com a heroína. Gosto tanto dessa história que a incluí no meu Top 5 de filmes para comemorar o ano novo.

Hazel e Augustus – A Culpa é das Estrelas

Stars1A adaptação cinematográfica do livro homônimo do escritor John Green foi, sem dúvida, um dos maiores sucessos de 2014. Junte uma história fofa e muito triste e um casal cheio de química e, pronto, aí está a fórmula do sucesso. O mais incrível, para mim, é ver como a Ansel Elgort é um ator promissor. Estava acostumada a ver ele como o Caleb, da série Divergente, mas adorei vê-lo na pele de Augustus.

Não faz ideia do que acontece no livro e no filme? Vamos lá: a história começa mostrando Hazel, uma garota que vive há anos com um câncer no pulmão e se afasta do mundo. Incentivada pelos pais, ela começa a frequentar um grupo de apoio e conhece um jovem que superou a doença. Ele é responsável por fazer com que ela realize todos os sonhos enquanto pode e, claro, por mostrar como o amor verdadeiro é poderoso. Tudo é tão lindo que é bom preparar o lencinho.

Sandy e Danny (Grease)

Sandy-Danny-GreaseNormalmente, não repito filmes nos Top 5 aqui do blog, mas gosto tanto de Grease que é impossível deixa-lo de fora desta lista. Sou completamente apaixonada por musicais e posso dizer com toda certeza que Grease é um dos meus favoritos. Principalmente por conta do casal, que vivem uma história retratada nos anos 60, mas bastante atual. O que faz com que a relação de Sandy e Danny continue moderna é que ele é um bad boy que morre de vergonha do estilo dela, que é uma moça certinha. Vemos muito isso aí hoje em dia, não é mesmo?

Eles se conhecem no verão e vivem um lindo romance, mas nem imaginam que vão se reencontrar na escola onde ela vai começar a estudar. Danny precisa superar os próprios preconceitos para aceitar a moça e ela, por outro lado, deve aceitar o jeitão de malandro do namorado. Some a isso um figurino inspirador (falo mais sobre as roupas aqui) e músicas que ficam na cabeça por dias.

Latika e Jamal (Quem Quer Ser um Milionário?)

slumdog_millionaire11No Oscar de 2009, um filme surpreendeu por ser indicado em dez categorias e vencer em oito. Como ele ainda não tinha sido lançado no Brasil, surgiu todo um mistério em volta. Será que esse tal de Quem Quer Ser um Milionário era tão bom assim? Depois de ter visto um milhão de vezes, eu digo: sim, é MUITO bom e um dos meus filmes favoritos. O que mais gosto é a história superoriginal, que fala sobre um garoto indiano que participa de um programa televisivo para ganhar dinheiro.

Jamal sempre viveu de forma humilde e viveu nas ruas ao lado do irmão. Em uma dessas aventuras, conhece a garota Latika e se apaixona por ela ainda jovem. Só que a vida separa o trio e agora ele vive tentando encontrar seu grande amor e mostrar a ela que podem ficar juntos. O filme é tão envolvente que é impossível parar de assistir. Todo mundo quer saber se ele vai acertar a pergunta final, conquistar a riqueza e, claro, ficar ao lado de quem ama.

Carol e Melvin (Melhor É Impossível)

Quando pensamos em casais fofos, é mais comum nos lembrarmos de relacionamento entre jovens. Mas é muito legal quando um filme surge para mostrar que o amor não tem data e idade certa para acontecer. Isso acontece em Melhor É Impossível, que gira em torno de Melvin, um escritor racista e homofóbico que tem TOC e vive isolado. Ele só se mostra mais simpático quando está diante de Carol, a garçonete de um restaurante que ele frequenta.

A confusão começa quando Simon, seu vizinho homessexual é internado e Melvin precisa cuidar do cachorro dele. A partir daí, passa a ter mais contato com Simon e não consegue mais parar de pensar em Carol. Ele, inclusive, a convida para fazer uma viagem e descobre que precisa mudar seu jeito para ficar ao lado dela. E olha como o amor funciona: ele tenta de tudo e está superdisposto a ser uma pessoa mais amigável. O resultado é tão lindo que rendeu o Oscar de melhor ator para Jack Nicholson e de melhor atriz para Helen Hunt.

Bela e Fera (A Bela e a Fera)

Belle-and-Beast-beauty-and-the-beast-9326800-852-480Como é de costume aqui no blog, todo Top 5 tem que ter um filme da Disney. E aqui está a opção da vez, um verdadeiro clássico das histórias das princesas. Fiquei pensando em qual casal era o mais fofo e a resposta apareceu de imediato: A Bela e a Fera. É uma das poucas histórias antigas da Disney em que o príncipe participa bastante, tem personalidade e consegue ser amado mesmo com sua aparência e seu jeito rude.

Ok, é um pouco surreal pensar em uma garota que se apaixona por uma fera. Mas, vendo a trama com olhos de criança, a lição que fica é a de que muitas vezes é preciso quebrar estereótipos para encontrar um amor. Bela poderia ficar com o cara bonitão, mas se apaixonou por uma criatura muito estranha. E esse ser bizarro, aos poucos, muda seu aspecto grosseiro e se torna mais amigável. Bonitinho, vai?

Seja qual for a escolha, o importante é celebrar o amor em suas mais diversas formas. Feliz Dia dos Namorados!

Os looks do Met Gala Ball 2015

Considerado um dos maiores eventos de moda do mundo, o Met Gala é também um dos tapetes vermelhos mais bem frequentados do planeta. Todas as celebridades que estão em alta no momento o frequentam. Para quem não sabe, é realizado pelo Metropolitan Museum of Art, um dos museus mais famosos de Nova York, e a cada um ano escolhe um tema para inspirar os trajes dos convidados.

Nesta edição, o tema foi China. A partir daí, dá para imaginar o que passou no red carpet. Foi um verdadeiro show de bizarrices. Justamente por isso, vale a pena conferir os looks:

Ellie Goulding

ellie-goulding-en-la-gala-met-2015_galeria_principal

Acho a Ellie fofa e bonitona à maneira dela, sabe? E apesar de aparentar ser bem moleca em seus shows e clipes, achei que ela mandou bem na escolha. Está chique, gala e elegante. Apesar disso, ficou mais para anos 20 do que China, né? Mas, no geral, gostei muito e usaria fácil!

Diane Kruger

Diane Kruger

A Diane tem o estilo dela e normalmente manda bem no tapete vermelho. Mas achei estranha essa combinação. Sou meio contra calças em eventos de gala, mas o problema maior aqui é que a textura do top não combina com a textura da calça. Precisaria de uma peça mais sequinha, sabe? E aí juntou com essa cauda e virou uma confusão tremenda. Meio over!

Jennifer Lawrence

Jennifer Lawrence

J. Law estava correta, bonita e mostrou que dá, sim, para levar o top cropped para um evento de gala. Curti a estampa floral, acho super oriental e bem na pegada chinesa. Também adorei o cabelo todo jogado para trás, que não brigou com a parte mais colorida do look. O problema é que ela foi ok. Já a vi usando coisas melhores…

Alicia Keys

Alicia Keys

Não sei muito bem porque esse pessoal insiste em usar milhões de coisas ao mesmo tempo. A saia volumosa, por exemplo, ficaria linda com um top sequinho vermelho (seriam as cores da bandeira chinesa). Mas aí Alicinha inventa de colocar uma jaqueta (que seria bonita se fosse usada sozinha) e o resultado é esse efeito esquisito na manga. Estou em dúvida se foi da foto, mas acho que é uma sensação criada pelo contraste com a foto. Mas ela tem um rosto lindo que ficou mais ressaltado com o coque modernoso.

Katie Holmes

Katie

Li em algum lugar que a Katie cortou o cabelo horas antes do evento. Não sei se é verdade, mas temos duas opções: ou ela se arrependeu e era tarde demais ou ela não tem um amigo sincero para dizer: “amiga, não ficou legal”. Essa franjona pesada deixou o rosto dela muito pesado e não combinou com o vestido. Por falar nisso, acho a cor muito bonita. O que me incomoda são esses recortes nas laterais. Se fosse reto, seria mil vezes mais bonito.

Kerry Washington

Kerry

Queria muito saber o que acontece com essa moça que não acerta nunca. Na verdade, não é que ela não acerta, mas sim que erra feio. Não gostei de nada aí. Achei que a cor não tem absolutamente nada de China e esse efeito brilhante ficou cafona, ainda mais misturado com os bordados e babados. E a combinação com a bolsa e os sapatos verde não tem nada a ver. Vamos passar para a próxima porque ficou difícil!

Amanda Seyfried

Amanda

A Amanda é meio chatinha, mas o look é interessante. Não gosto muito dos babados e da fenda central e acho que seria mais bonito se fosse liso. Mesmo assim, até que ficou bonito nela. Gostei do cabelo preso, que destacou o traje e AMEI a maquiagem (aliás, foi uma das mais bonitas da noite).

Selena Gomez

Selena

Pobre Selena. Era uma forte candidata a melhor da noite, mas resolveu dar uma viradinha de lado e mostrou que é uma pobre mortal como nós e que também sofre com as gordurinhas a mais. Não tenho absolutamente nada contra e acho super bacana que ela não tenha se incomodado com isso. Taí um perfeito look inspirado na China: flores na cabeça (bem gueixa), cordinhas orientais, branco e preto. Ponto positivo, garota!

Jessica Chastain

Jessica Chastain

Que mulher maravilhosa, gente! Sou suspeitíssima para falar porque acho que a Jessica é a mulher mais bonita de Hollywood e sempre arrasa no tapete vermelho. Mais uma que apostou no dourado e na pegada anos 20 com cabelo inspirado nas divas da época. Linda como sempre!

Dakota Johnson

Dakota Johnson

Gostaria muito de poder perguntar para a Anastasia de Cinquenta Tons de Cinza onde ela pensa que vai com essa roupinha. Talvez ela estivesse indo para a balada e aí mudou de ideia em cima da hora. Alguém mais acha que a estampa a deixou com uma barriguinha? E o cabelo também parece ter sido feito na pressa, sabe? Essa menina está precisando de um stylist para ontem.

Claire Danes

Claire

Adoro a Claire desde os tempos de Romeu e Julieta e passei a gostar mais ainda dela depois da atuação no seriado Homeland, então tenho um carinho enorme por ela. Ando apaixonada por esse tom de verde (que, aliás, combina super com o clima de inverno) e achei que ficou bacana com os detalhes em couro. Também adorei a make e o batom escuro. Só acho que o cabelo poderia ficar melhor.

Vanessa Hudgens

Vanessa Hudgens

Achei a escolha muito pertinente com o tema. A Vanessa estava até parecendo uma chinesa, não acham? Mas aí a colocaram em um ângulo péssimo para tirar a foto e parece que ela faz parte de uma montagem e que está flutuando. Também achei que o corpo dela pareceu meio achatado. De qualquer forma, ficou entre as melhores.

Kendall Jenner

Kendall

Já contei que não gosto muito do corpo da Kendall e que acho muito masculino com poucas curvas. Mesmo assim, ela tem um rosto lindo. Só que também está precisando de uma ajudinha porque não manda muito bem no tapete vermelho. Esse detalhe na lateral ficou muito grosseiro e vulgar.

Lilly Collins

Lilly Collins

A Lilly é uma fofa, né? Combinou muito com o estilo bonequinha do look. Temos duas informações pesadas (a blusa transparente e a saia estampada) que super conversaram e deram um ar de chinesa. Adorei e super usaria também.

Kim Kardashian (e o inseparável marido Kanye West)

Kim

Sei que muita gente ama a Kim, mas eu tenho um pouco de preguiça. É uma necessidade muito grande de aparecer, sabe? O corpo dela não permite esse tipo de roupa, simples assim. Ficou feio e vulgar.

Chloë Grace Moretz

Chloe

Amo a Chloë, mas não rolou. Achei muito simples e com mais cara de domingo no parque do noite de gala. Também não gostei do cabelo e da make, parece que faltou algo. Uma pena!

Lorde

Lorde

A Lorde não fica LINDA quando dá um tempo no estilo gótica? Ficou com ar de princesa. Amei a cor e me lembrou o efeito de alguns vasos de cerâmica vendidos nessas lojinhas orientais. Adorei a make com batom nude e olhos marcados e acho que o cabelo poderia estar semipreso, mas já é um grande avanço. Mandou muito bem!

Solange Knowles

Solange Knowles

Não vou nem perder meu tempo falando sobre essa aberração. Pessoa é irmã da Beyoncé e acha que pode sair por aí desse jeito. Próximo, por favor!

Katy Perry

Katy Perry

Katy é minha cantora pop favorita (e vem ao Brasil em setembro, oba!), mas não ficou bonita com o cabelo curtinho. Ela ficaria mais feminina se usasse um vestido mais básico e apostasse em uma make bem marcada. Agora acho que essa escolha reflete o espírito palhacinha dela, porque está bem complicado.

Lady Gaga

Lady Gaga

Posso falar? Foi o look mais pertinente ao tema da festa. Super China e de um jeito que só a Gaga sabe ter. Claro que é tudo bem over e impactante, mas ela pode. Passou de ano com louvor!

Madonna

Madonna anda meio perua, mas está melhor do que aquele visual pirata sexy do último Grammy. Não está bonito, mas ao menos é um vestido longo e apropriado para um evento de gala. Não gostei das luvas, achei o colar totalmente desnecessário e não entendi essa espécie de capa, mas curti o detalhe com o nome do novo CD dela. E ah, que cabelo bafo hein! Estou querendo para mim.

Rihanna

Rihanna

Certeza que a RiRi recebe o convite da festa e já pensa em como se superar. Dessa vez, trocamos o bolo rosa por uma manta amarela de palácio marroquino. O tipo de roupa que a gente não tem que gostar mesmo, apenas se surpreender.

Miley Cyrus

Miley Cyrus

Vamos lá, contem comigo: tecido estampado, recortes nos ombros, na barriga (mega recorte) e nas costas, maxi colar, cabelo com efeito molhado e make (quase) nada. Precisa dizer mais? Apenas não.

Kate Hudson

Kate Hudson

A Kate é sempre linda, mas ultimamente tem apostado no mesmo estilo de vestido. E como esse tom de dourado foi o mais usado na noite, ficou cansativo e sem graça. Os outros modelos da festa são mais bonitos. Mas ela nunca, jamais, ficará feia.

Reese Whiterspoon

Reese Whiterspoon

Saiu de casa com medo de errar e foi a mais sem graça do evento. Alguém deveria lançar uma campanha pedindo para atriz cobrir os braços porque eu não aguento mais vê-la usando tomara que caia. Vamos mudar, Reese, faz bem! E pode ousar de vez em quando, tá?

Beyoncé

Beyonce

Ok, é polêmico e não tem nada a ver com o tema, mas ela pode. A única capaz de segurar um look como esse sem deixá-lo vulgar. Em todas as outras, ficaria horroroso. E a gente pediu para ela deixar os vestidos pretos rendados de lado, então está valendo. E essa pele? E esse corpo? Arrasou mais uma vez, Bey!

Cara Delevigne

Cara

Não gosto da Cara, mas ADOREI essa ideia das tatuagens. É um recurso muito criativo que deu um toque oriental e deixou a produção mais moderna. Resumindo: foi a mais original da noite.

Olivia Wilde (e marido)

Olivia Wilde

A Olivia é tão linda que fica bem com qualquer roupa. Gostei muito do penteado e curti a combinação de rosa com cinza, mas também achei meio anos 20.

Jennifer Connelly

Jennifer Connelly

Duas coisas me incomodam muito nesse look: os ombros bufantes (desnecessários em um vestido totalmente rendado que já chama atenção) e o cabelo solto. Faltou um toque feminino nesse penteado para combinar com as flores.

Julianne Moore

Julianne Moore

Juju é tão diva que consegue ficar incrível no pretinho básico. Olha aí a fórmula de sucesso: parte de cima com brilho e recortes (discretos, viu) e saia sequinha. Assim que se faz!

Emily Blunt

Emily Blunt

Levou muito a sério o tema e caiu no óbvio, mas apostou em tons de azul para modernizar o look. Confesso que eu usaria algo parecido se fosse convidada. No geral, gostei muito e foi um dos meus looks favoritos.

Rita Ora

Rita Ora

Estava faltando alguém para deixar o red carpet completo. Ritinha, nossa arroz de festa favorita, acabou misturando um pouco as coisas e foi fantasiada de esposa do conde Drácula. Ela até parece flutar com o veludo inserido na barra. Mas a garota é esforçada e levou uma clutch em estilo oriental. Vamos dar um desconto porque ela faz a gente rir.

Kate Beckinsale

Kate Beckinsale

Linda e maravilhosa, não erra nunca. Mesmo quando usa um modelo mais simples, mantém o ar de diva. Tudo perfeito: cor, modelo, cabelo, make e atitude. Quero ser como você, Kate!

Uma Thurman

Uma Thurman

Está mais para Helena de Troia, né? Mas achei que estava bem bonita e elegante. Um bom modelo para um grande evento de gala. Também passou de ano com louvor.

Jennifer Lopez

J Lo

J. Lo ainda não ouviu nossos conselhos para variar e continua apostando em vestidos transparentes do tipo sereia. Mas trouxe estampas que lembravam os dragões chineses e o resultado me agradou muito. Poderia ficar vulgar, mas ficou chique.

Pior da noite: Sarah Jessica Parker

Sarah Jessica

Alguém me explica o que é isso? Sério, estou sem entender até agora. O vestido por si só já é estranho demais (impressão minha ou ele tem um errinho de costura na parte estampada?) e deixou nossa eterna Carrie Bradshaw com a sensação de que está acima do peso. E essa cabeça de passista de escola de samba? Socorro! Momento vergonha alheia total. Fendas, couro, estampas, fogo, pulseiras… Quanta coisa uó!

Medalha de ouro: Anne Hathaway

Anne

Posso ser sincera? AMEI! Ficou um pouco Star Wars, mas também me lembrou o visual das gueixas. E o dourado é uma cor bem oriental, além de reforçar a tendência dos tecidos metalizados. O capuz ficou moderno e delicado ao mesmo tempo. O toque de estilo ficou por conta da pegada rocker dos brincos. Amo a Anne desde os tempos de O Diário da Princesa e achei que ela estava maravilhosa. Medalha de ouro dada com muito orgulho e carinho!

Fotos: Just Jared