Posts em destaque

Feliz ano novo | Minhas 6 metas para 2019

Olá, pessoal! Estamos em dezembro e agora não tem jeito: 2018 está mesmo acabando e a gente começa a pensar no próximo ano. Eu sou muito supersticiosa e sempre fui de fazer pedidos na noite de ano-novo. Mas, na maioria das vezes, eram aqueles pedidos que não dependem só da gente, sabem? Se você está pensando em “arrumar um namorado”, você acertou. Cansei de pedir isso quando era mais nova e nunca dava certo – por que será né?

Já faz um tempo que eu aprendi que funciono com metas. Eu preciso anotar tudo no papel, fazer listas e encarar essas metas como desafios que precisam ser cumpridos. Sei que não é todo mundo que gosta disso, mas eu me sinto MUITO bem quando cumpro uma meta. Então, resolvi adotar a prática de listar algumas metas de ano-novo.

Agora, chegou a hora de contar quais são minhas metas para 2019. Vocês vão perceber que são coisas possíveis de serem alcançadas, muitas que só dependem de mim, sabem? Então chega de falar e vamos lá!

Continuar ganhando dinheiro como influenciadora

Eu AMO ser influenciadora e realmente encaro tudo isso como uma profissão, um trabalho sério. Minhas amigas que também são influenciadoras sempre me pedem dicas de organização porque eu faço tudo com antecedência: tenho um planejamento mensal de todas as minhas redes (incluindo o blog aqui), trabalho muito nos fins de semana gravando e editando vídeos e subo conteúdo novo no canal três vezes por semana, faça chuva ou faça sol.

2018 foi muito bom neste sentido porque foi o ano em que eu realmente foquei em ser influenciadora. Tinha a meta de ganhar mais com isso do que o que eu ganhei no ano passado e eu bati antes do fim do ano. Não, eu ainda não vivo só disso, mas vou dar duro para alcançar esse objetivo. Mas, como o importante é ter os pés no chão, não vou fazer nenhuma meta específica. Eu só quero continuar ganhando dinheiro com o meu trabalho e crescer cada vez mais. Vocês entenderam, né?

Ser mais econômica

  1. Nada como a sensação de sonho realizado, né?

Neste ano, eu tive uma das melhores experiências da minha vida: viajar para o exterior sem ninguém da família, só com uma amiga. Foi incrível de diversas maneiras, mas principalmente porque pela primeira vez eu precisava saber como gastar direito o dinheiro que eu tinha levado, contando com alimentação, transporte, compras, enfim…voltei não só com dinheiro sobrando na carteira, mas com uma outra visão em relação a tudo isso.

Eu sempre fui muito consumista e parar de gastar é um baita de um desafio para mim. A parte boa é que agora eu penso umas mil vezes antes de comprar alguma coisa e tenho achado tudo muito caro. Eu até tinha colocado como meta deste ano economizar uma quantia X por mês, mas na real eu não vou ser tão específica também. Quero aprender a ter uma vida econômica melhor. É isso.

Bater a meta da nutricionista

Em 2018, aos trancos e barrancos, eu consegui emagrecer (uma meta que foi cumprida)! Claro que contou muito o fato de eu ter me apaixonado por tratamentos estéticos e pegar mais pesado na academia, mas eu também tentei comer melhor. O resultado foi 6 kg a menos na balança e muitas medidas reduzidas.

Agora, eu quero bater a meta da minha nutricionista. Ainda tenho mais alguns quilos para perder e, quando chegar lá, preciso fazer o mais difícil: manter. Mas essa é a segunda parte, eu quero ver o ponteiro da balança diminuindo e voltar a gostar do meu corpo. Estamos quase lá!

Ler mais

 

Bom, vocês sabem que amo ler e vira e mexe trago resenhas de livros aqui no blog. Acontece que neste ano eu acabei lendo menos. Não sei bem o motivo, mas acho que eu foquei tanto em aproveitar meu tempo livre para produzir conteúdo para o canal que os livros ficaram de lado. Mesmo assim, até que consegui ler um número bom de livros em 2018.

Esta meta na verdade é mais um puxão de orelha em mim mesma por ter lido menos neste ano (vocês perceberam que eu me cobro muito né? Pois é!). Também não vou colocar nenhum número específico em relação ao número de livros, mas quero me envolver em várias histórias e trazer boas resenhas para vocês no ano que vem.

Ver mais séries

Está aí algo que eu realmente gostaria de fazer: assistir mais séries. Eu vivo correndo né, então, eu não tenho muito tempo para isso. Acaba que eu escolho uma série que está em alta no momento e demoro muuuuito para terminar. Ou deixo para fazer uma maratona em feriados ou fica só na promessa (a última opção é a que mais acontece).

Olhem, parece muito fácil, mas acho que vai ser a meta mais difícil porque realmente é um costume que eu vou ter que criar, tornar um hábito e acostumar o cérebro a ter vontade de ver séries. A parte boa é que eu vou poder dar váárias dicas para vocês sobre séries. Aliás, aproveitem para deixar algumas sugestões de séries nos comentários – quem sabe não começo por elas, hein!

Cozinhar 

  

Vejam bem: eu tenho 30 anos e não sei nem fazer o básico quando o assunto é cozinha. Mas, como sou a típica geminiana contraditória, eu adoro ver livros de receita e programas culinários e sempre digo coisas como “nossa, como essa receita é fácil”, sendo que eu nunca tentei fazer nada. Bom, ainda bem que sempre dá tempo de mudar, né?

Há alguns meses, resolvi fazer uma receita de um doce que eu vi no programa Fazendo a Festa (meu programa de TV favorito do momento) e fiquei chocada que 1) deu muito certo e 2) é realmente muito fácil de fazer. Claro que eu me empolguei, né? Resolvi começar fazendo doces mesmo e depois vou partir para os salgados. Ah, vou compartilhar essas minhas novas experiências culinárias com vocês. Acho que vai ser bem legal!

 

E vocês, quais são suas metas para 2019?

Um beijo e até o próximo post!