Posts em destaque

Quadril largo? | 5 truques de moda para disfarçar o quadril e valorizar o look

Olá, pessoal! Todo mundo tem pelo menos uma coisinha que gostaria de mudar no próprio corpo, né? No meu caso, não preciso nem pensar muito. Eu tenho quadril largo (herança de família) e sei que muita gente acha bonito, mas é horrível porque muitas peças de roupa não funcionam para mim, como saia-lápis, vestidos bem justinhos ou do tipo sereia e por aí vai.

Na verdade, eu sempre vou defender aqui que a gente tem que vestir o que gosta e ponto. Não existem regras. Tanto que tem muita gente com quadril largo (alô, Kim Kardashian) que usa vestido justo e faz muito sucesso. Mas eu me incomodo muito de ver meu quadril marcado, sabem?

No meu caso, o que me salva é a altura. Tenho 1,67 cm, uma altura mediana (um pouco a mais do que a média das brasileiras) que ajuda a não chamar tanta atenção para o quadril. Mesmo assim, eu sempre tento disfarçar o quadril o máximo que eu consigo. Por isso, resolvi compartilhar alguns truques que me ajudam bastante e que com certeza vão ajudar quem mais sofre com o quadril largo.

Mantenha o foco na terceira peça

Olha a Bruna Marquezine mostrando como usar a terceira peça para esconder o quadril largo. Mandou bem, né?

Quem é ligada em moda já conhece o truque da terceira peça, né? Trata-se da ideia de compor o look com um casaco, blazer das mulheres ou colete para equilibrar a silhueta. Essa dica funciona perfeitamente em quem tem quadril largo, mas a terceira peça deve ser mais comprida, parando abaixo do quadril. Invista no maxicolete, no blazer mais soltinho, nos casacos compridos e na jaqueta jeans longa. Essas peças são suas melhores amigas e vão tirar a atenção do quadril.

Saiba como inovar no look usando camisa social!

Valorize a parte de cima do look

O modelo de blusa usado pela Thassia Naves é perfeito para disfarçar o quadril largo

É muito simples: se a gente quer tirar a atenção da parte inferior do look, nada mais certo do que valorizar a parte de cima. Ou seja, você deve investir em blusas que tenham informações, como estampas, babados, rendas e decotes. Vale lembrar que você precisa tomar cuidado se tiver seios grandes ou ombros largos? Mas, no geral, usar esses recursos na parte de cima do look vai disfarçar o quadril. Eu uso muito essa dica no dia a dia e sempre dá certo.

Aposte na cintura marcada e peças rodadas

A atriz Paolla Oliveira é fã do combo cintura marcada + saia rodada

Outra dica que eu uso muito e ideal para quem gosta de um estilo mais romântico. Saias e vestidos com cintura marcada são ótimos para valorizar e equilibrar a silhueta. Mas, para dar ainda mais certo, a parte inferior do look deve ter uma peça rodada, tipo saias e vestidos evasês ou em A, assim, seu quadril não fica marcado. É um ótimo truque para usar quando for escolher um vestido de festa, sempre funciona.

Faça da calça flare sua melhor amiga

Quem adora usar calça flare é a atriz Débora Nascimento

Confesso que esta dica foi a mais difícil para mim. Usei muita calça larga na infância e na adolescência e depois me apaixonei perdidamente pela calça skinny. Então, quando provava calça flare, me sentia muito esquisita. Até que um dia resolvi provar um modelo destroyed e percebi que realmente ajudou a diminuir meu quadril. Aí já sabem, né foi amor total. Por ter a boca mais larga, a calça flare ajuda a equilibrar a proporção das pernas e disfarça o quadril. Mas vale a pena usar com salto, ok?

Aprenda a usar as listras a seu favor na hora de montar o look!

Use e abuse das cores escuras

O look all black da Bruna Marquezine (de novo) é incrível e perfeito para esconder o quadril

Essa é fácil, vai! Usar peças de cores escuras ajuda e muito na hora de disfarçar o quadril largo. Isso porque esses tons alongam a silhueta e fazem com que o quadril pareça menor (é praticamente a mesma coisa de usar preto para parecer mais magra). Vale até usar um look monocromático nessas tonalidades mais escuras (preto e azul-marinho são ótimas opções) e investir na terceira peça mais comprida. Quer visual mais cheio de estilo do que esse?

 

E você, quais outras dicas usa na hora de disfarçar o quadril?

Um beijo e até o próximo post!

Boinas | 4 estilos diferentes para apostar sem medo no acessório que é a cara do outono/inverno 2018

Olá, pessoal! Vocês sabem que a moda adora se inspirar em tendências que foram sucesso lá no passado, né? Algo que você jurou nunca mais usar volta com tudo e aí você até faz cara feia no começo, mas quando vê já se rendeu e quer aderir. Nesta temporada de outono/inverno, temos um ótimo exemplo disso: as boinas.

As boinas surgiram há muitos anos e eram usadas basicamente em uniformes masculinos. Até que elas caíram no gosto da juventude entre os anos 60 e 70 e foram conquistando novos adeptos desde então.

Agora, se você está junto comigo e viveu sua adolescência nos anos 2000, com certeza vai se lembrar de ter comprado pelo menos uma boina. Lembrou, né? Entre 2002 e 2004, o acessório virou febre MESMO e famosas como Jennifer Lopez, Britney Spears e Christina Aguilera amavam usar boinas em seus clipes e até nas aparições no tapete vermelho. Por aqui, lembro muito bem da Kelly Key de boina. Saudade daquele tempo!

Christina Aguilera em um look clássico dos anos 2000 com boina

Bom, as boinas voltaram e eu preciso dizer que… já comprei uma, gente (sim, sou dessas)! A parte boa é que agora elas aparecem em vários estilos (e não mais como aquelas enormes e molengas dos anos 2000), então dá para usar de várias formas. E é sobre isso que vamos falar hoje, amigas! Reuni alguns estilos diferentes de boinas para você arrasar por aí. Vamos conferir?

Boina tipo militar

Esta aqui é a boina clássica, aquela com aba mais durinha tipo quepe, sabe? Muito usada por soldados, foi a que fez a cabeça dos jovens rebeldes dos anos 60. É mais discreta e fica ótima com looks urbanos com pegada street. Use com jaquetas ou casacos compridos, calça skinny e botinhas de cano curto. Quer uma boina cheia de atitude? Encontrou!

Confira também as outras tendências do outono/inverno 2018!

Boina de lã

A boina de lã é a boina estilo francesa, mais fofinha e sem aba. É aquela que a gente costuma usar meio de lado, sabe? Megaestilosa, né? É o melhor tipo de boina para quem não abre mão de looks românticos, mesmo no frio. Minha dica é fazer um look bem característico de inverno, com um casaco comprido de lã por cima do vestido + meia-calça e sapatilha ou scarpin. Fica muito fofo!

Boina de tricô

A grande aposta da temporada é a boina de tricô, tipo gorrinho mesmo. Ela tem o mesmo pompom em cima dos gorros, mas traz também a aba mais durinha para ficar diferente. Ideal para looks urbanos com pegada rock, sabem? Experimente combinar a boina com uma jaqueta de couro e botinha com fivelas e tachas. Você também pode ir numa linha mais relax e usar com aquele look clássico: moletom larguinho, calça reta ou legging e tênis. Nem preciso dizer que foi essa boina que eu comprei, né?

Boina xadrez

Nesta temporada, temos ainda uma forte influência dos anos 90, mas também temos um toque de irreverência e alegria dos anos 80. Ou seja, se você quer uma boina ousada, invista nas opções com estampa xadrez, outra grande tendência do momento. Como este tipo de boina chama bastante atenção, prefira combinar com peças de cores neutras, como o look all black. Para deixar o visual moderno e sem aquela carinha de “boina do vovô”, uma sugestão é combinar com suéter, saia e sapatilha. Bem descolado e moderninho!

 

E aí, já sabe em qual boina apostar? Me conta!

Um beijo e até o próximo post!

Fotos: Pinterest 

Os looks do Met Gala Ball 2018

Olá, pessoal! Hoje (7) foi dia de mais uma edição do evento que faz Nova York parar e deixa todos os amantes de moda com os olhos grudados nas redes sociais. Pois é, rolou mais uma edição do Met Gala, baile promovido pelo museu Metropolitan, que marca a abertura de uma exposição anual do próprio museu, sempre ligada à arte e à moda.

Neste ano, o tema é Heavenly Bodies: Fashion and the Catholic Imagination, que mostra a relação da moda com a igreja católica (polêmico, né?). Como já é tradição aqui no blog, reuni os looks que deram o que falar. O melhor de tudo é que tem sempre aquele povo que perde a noção neste evento, então, vem ficar por dentro de tudo que rolou por lá:

Amanda Seyfried

Muita gente apostou no amarelo/dourado, que tem tudo a ver com o tema. Eu tenho cisma de amarelo em loiras, gente! Digo por experiência própria, parece que fica uma coisa só, sabe? Não desgosto desse vestido, mas acho que com o cabelo solto (lindíssimo, por sinal) e a make em tons escuros ficou tudo muito pesado. Ah, e a maquiagem acabou envelhecendo a Amanda. Concordam?

Anne Hathaway

Amo a Anne Hathaway porque ela é a Princesa Mia, maior musa da minha adolescência. Mas ficou esquisito né, um caos de tecido na parte inferior. Gosto muito do penteado e da maquiagem, mas tem coisa demais. A parte boa é que teve gente pior, então ela fica na média.

Ariana Grande

Não falei que teve gente pior? Ari, me ajuda a te ajudar, gata! Não entendi nada, juro. Esse laço na cabeça tá bizarro e a estampa do vestido é bem estranha. Tudo bem que eu tenho um pouco de ranço dela, mas não tem como aprovar esse look. Pelo menos para mim, ficou na lista das piores.

Cara Delevigne

Tudo bem que a Cara tem um estilo próprio e bem exótico, mas eu estou na dúvida. Definitivamente eu não usaria e esse look não tem nada a ver comigo, mas achei que tem tudo a ver com o tema do evento e é a cara dela. Na verdade, eu acho o vestido ousado, mas apropriado para o Met Gala. O que me incomoda é a coroa cobrindo o rosto. Dá uma aflição…

Cardi B

Sempre temos uma grávida nas premiações e, desta vez, quem ficou com a vaga foi a Cardi B. É over? É. Usaria? Jamais. Mas também achei que é um look TOTAL Met Gala. Se fosse para escolher um look para definir o red carpet deste ano, seria esse. Então, analisando por esse lado, eu gostei.

Blake Lively

ALGUÉM PARA ESSA MULHER! SOCORRO, É MUITA BELEZA! Sério, gente, nem tem graça colocar a Blake aqui porque ela nunca erra e consegue se superar a cada evento. Apaixonada por tudo: penteado, maquiagem, cor e modelo do vestido. Diva total e minha segunda preferida da noite.

Diane Kruger

Diane Kruger no Met Gala 2018 é a prova de que ninguém está livre de erros. Pois é, normalmente eu gosto muito dos looks dela, mas a única coisa que eu salvo nesse look é o tom de azul serenity, que eu acho que combina muito com loiras. O vestido acabou aumentando o quadril dela (ok, acho que era a intenção) e todo essa confusão atrás só piorou. Agora, precisamos falar sobre uma coisa que eu acabei de descobrir: ela tem 41 anos! Sim, com essa beleza e esse corpo! Tá bom pra você?

Emma Stone

Minha amiga Emma escolheu um look mais básico (perto dos outros né?), mas me incomodou essas correntes perto do decote. Acho que elas estragaram o look. Fora isso, teria prendido o cabelo. Amei a maquiagem e já quero descobrir que batom é esse (prometo contar para vocês quando descobrir).

Gigi Hadid

Mais um da série: não usaria, mas achei lindo. A Gigi é maravilhosa e segura qualquer look. É um vestido polêmico, mas eu amei e achei que combinou com ela. Estou na dúvida se o cabelo preso não funcionaria melhor para destacar ainda mais o vestido, mas gostei muito do penteado e da maquiagem.

Hailee Steinfeld

Gosto muito da Hailee, mas ela tem um gosto bem duvidoso e ficou difícil defender. Achei o vestido básico demais para o evento e não gostei do combo cabelo + make. A coroa não combinou e o cabelo bagunçado na cara, junto com a make pesadona, deixou tudo muito over. Sorry, miga, mas hoje não rolou.

Janelle Monae

Bom, a Janelle também tem um estilo muito particular e sempre gosta de causar, mas talvez seja um dos looks mais discretos que eu já vi nela (juro). Só o chapéu que me incomodou. Acho que ela poderia ter tirado e ficado só com a touca prata. Aí, sim, seria perfeito!

Jennifer Lopez

Se a gente levar em conta que nossa diva J. Lo adora um look coladinho, eu tenho que confessar que eu adorei esse look. Arrisco dizer que ficaria estranho em qualquer outra pessoa, mas nela ficou lindo. Também gostei muito da make com os olhos bem marcados.

Katharine McPhee

Só coloquei a Katharine McPhee aqui porque ela fez Smash, uma das minhas séries favoritas da vida. AMEI o vestido e super usaria ele solto, só não curti o cabelo (um coque tipo princesa funcionaria melhor) e tiraria alguns colares para ficar mais delicado.

Katy Perry

Já faz um tempo que a Katy anda me decepcionando no tapete vermelho, mas é o tipo de exagero que tem tudo a ver com a Met Gala. Só ficou estranho esse volume na barriga, parece até que ela tá grávida, né?

Kendall Jenner

A maquiagem da Kendall estava maravilhosa (uma das que eu mais gostei), mas achei esse look tão basiquinho. Nada demais, sabem? Faltou algo aí.

Kerry Washington

Quando você estiver triste e procurando uma resposta, lembre-se deste look e pense que existe solução para tudo. Siiim, minha gente, Kerry Washington finalmente acertou. Juro, ela já usou cada coisa nesse tempo todo que eu faço cobertura de eventos aqui no blog que esse vestido (mesmo basiquinho para o evento) ficou maravilhoso. Adorei também o cabelo estilo black, ficou lindo nela!

Madonna

É a versão moderna da Madonna na era de Like a Prayer, concordam? Madonna é rainha e nem deveria entrar aqui na análise porque a gente releva tudo, mas, pessoalmente, não curti muito. Combina com ela, né?

Michelle Williams

Michelle tem um estilo minimalista e sempre aposta no mesmo estilo de look, mas acho que ela está sempre elegante e muito bem vestida. É o tipo de look que passa batido no meio de tanta ousadia, mas eu AMEI esse vestido e usaria fácil.

Nicki Minaj

Liguei a TV no exato momento em que a Nicki entrou e analisei bem o look. A gente sabe que ela adora ousar e normalmente eu coloco os looks dela entre os piores, mas não é que eu curti esse?  Achei que combinou também com a proposta do evento e eu adorei esse efeito do degradê de vermelho. Eu também adorei o detalhe da cabeça!

Rihanna

Aquela coisa né, Met Gala sem Rihanna não é Met Gala. E para ter graça, tem que ser um look de impacto. É o tipo de look que a gente não usaria, mas releva por conta do tipo de evento. Mas acho que especularam tanto sobre o que ela usaria que eu esperava algo mais elaborado. Achei ok, mas nada demais. Concordam?

Rita Ora

Mais uma prova de tudo pode dar certo na sua vida. Ritinha, nossa arroz de festa favorita, já errou muito nos tapetes vermelhos e, vejam só, nunca esteve tão linda. AMEI o look inteiro! Adorei a coroa e o decote bem clássico, a estampa é delicada e muito romântica e eu também achei uma graça essa bolsinha amarela. Aprovadíssimo! Entre as mais bonitas da noite (quem diria?).

Kim Kardashian

Kim também apostou numa linha mais básica, mas nela eu curti. Achei que ela estava linda com essa make com olhos bem marcados e adorei os detalhes das cruzes no vestido. Não usaria assim (ao contrário dela, odeio modelos que marcam meu quadril), mas faria umas adaptações e super usaria. Gostei muito!

Sarah Jessica Parker

Coloquei aqui porque a Sarinha é presença obrigatória no Met Gala e sempre se solta. Geralmente, ela peca pelo excesso, mas também entra na lista do “não usaria, mas gostei”. Achei que super combinou com a proposta.

Scarlett Johanson

Scarlett também foi para o degradê, mas não sei se eu gostei. Já vi tantos looks lindos nela que esse ficou meio apagadinho, sabem?

Selena Gomez

Selenitcha não foi feliz hoje, gente! O vestido acabou engordando e o batom era tão nude que apagou a boca dela. Não sei vocês, mas me lembrou aqueles looks do começo dos anos 2000 que a gente vê nas listas do BuzzFeed e não se conforma. Uma pena, né, mas acontece com todo mundo.

Zendaya

Demorei séculos para reconhecer a Zendaya, mas também entrou na lista de pessoas de péssimo gosto que acertaram bonito. Achei esse vestido muito bonito e tudo a ver com o evento (não dá para você usar no casamento da sua amiga, por exemplo). Amo cinza no tapete vermelho e gostei da combinação com a peruca ruiva e a make quase nada. Mandou bem!

A pior da noite: Solange Knowles

A irmã da Beyoncé também tem um gosto bem exótico e ama causar, mas não consigo gostar de nada nesse look. Aliás, achei esses tentáculos horrorosos, parece mais um cosplay da Úrsula de A Pequena Sereia. Aliás, alguém me explica a relação desse look com o tema do evento? Não deu, né?

A melhor da noite: Emilia Clarke

Por favor, um minuto de silêncio para admirar todo esse look. Não é porque eu gosto da Daenerys e da própria Emilia, mas eu vi esse look na TV e no mesmo segundo eu escolhi como o melhor da noite, antes mesmo de ver os demais looks. É o tipo de escolha que eu super faria, tem tudo a ver comigo. Combinou com o tema e trouxe um ar de rainha bem clássica, sabem? Amei o coque com a coroa, o batom escuro levou o look para uma pegada barroca e o vestido é um show, gente! Sério, tô apaixonada. O look mais lindo dos últimos tempos! ♥

 

E você, concorda? Qual look mais gostou?

Um beijo e até o próximo post!

Fotos: E! Entertainment

Look monocromático | 4 Dicas para se jogar na tendência do Outono/Inverno 2018

Olá, pessoal! Quem aí adora seguir tendências de moda? Bom, se você respondeu “sim”, com certeza já sabe que os looks monocromáticos estão entre as principais apostas para esta temporada de Outono/Inverno 2018. Para quem não sabe, look monocromático é quando todas as peças possuem a mesma cor.

Já faz alguns anos que a gente vê esse tipo de look, mas agora ele chegou com tudo, já que peças coloridas estão super em alta e pegam carona lá nos anos 80, década que ganhou os olhos da moda. Confesso que os looks monocromáticos não me agradam tanto assim (não consigo me ver com esse tipo de visual), mas é uma produção que esbanja estilo e pra lá de versátil, já que dá para adaptar para qualquer situação.

Tem mais, viu! Os looks monocromáticos ajudam a alongar a silhueta, especialmente quando acompanhados de um salto alto poderoso. Gostou da ideia? Então continue lendo este post porque preparei algumas dicas para ajudar você na hora de montar seu look com uma única cor.

Confira outras tendências do Outono/Inverno 2018 para usar e arrasar muito!

Escolhendo a cor

Não tem como começar diferente. O primeiro passo é escolher a cor que vai servir de referência para montar seu look monocromático. Você tem dois caminhos: apostar nas cores que estão em alta ou nas que mais combinam com o seu subtom de pele. Entre as tonalidades que vão bombar neste Outono/Inverno, estão: mostarda, verde-militar, azul-royal, vermelho, preto e ultravioleta. Em relação ao seu subtom, faça um teste com as peças que já tem em casa e tire fotos. Depois, é só analisar direitinho para encontrar as melhores opções.

Combine tonalidades e texturas diferentes

Um dos motivos que faz muita gente torcer a cara para os looks monocromáticos é que eles realmente são pesados e podem até passar uma sensação de algo infantil. O segredo é misturar variações do mesmo tom e combinar texturas diferentes. Uma calça de alfaiataria roxa, por exemplo, com uma camisa lilás de seda e uma bolsa de couro no tom lavanda (mais claro que o lilás). Use e abuse da sua criatividade!

Brinque com os comprimentos

Outra dica para que o seu look monocromático não fique pesado é apostar em peças com comprimentos diferentes. Precisa de um exemplo? Anote aí: uma calça pantacourt vermelha com uma camiseta mais justinha e, por cima, um maxi colete. Ou então uma saia-lápis mostarda com um tricô mais comprido. Fica moderno, descolado e tem tudo a ver com o clima da estação, não é mesmo?

Relembre as peças que você mais usou no último verão

Foco nos acessórios

Processed with VSCOcam with hb2 preset

Para ter sucesso com os looks monocromáticos, não dá para abrir mão dos acessórios. Invista em uma bolsa do tipo carteira, que fica linda com esse tipo de produção, e, como falei antes, aposte em um sapato ou sandália com salto alto (de preferência, fino). Colares e brincões também ajudam, desde que usados separados – um ou outro – e que não deixem o look pesado. Se quiser suavizar um pouco, combine com um acessório de outra cor. Eu adoro!

 

E você, o que acha dos looks monocromáticos?

Um beijo e até o próximo post!

Sempre linda | 5 dicas para se vestir bem no outono

Olá, pessoal! Estamos no outono, mas os dias não estão tão frios assim, né? Justamente por estarmos nessa época em que o clima não é tão definido (aqui em São Paulo, então, chove e faz calorão no mesmo dia), eu sempre fico em dúvida na hora de me vestir. Vejo o sol e tenho vontade de usar um vestido estampado, aí saio e está aquele friozinho disfarçado, sabe? Ou ao contrário: uso um look mais inverno e acabo passando calor.

Como sei que muita gente aqui também fica com essa dúvida na hora de se vestir durante o outono, preparei um guia com algumas dicas para se vestir com estilo sem passar apuros. Vem conferir!

Foco no tecido

Lembre-se: no outono, vivemos em um meio termo (nem quente nem frio). Então, o primeiro passo é escolher roupas com tecidos que combinem com o clima da estação. Apesar de serem mais fresquinhos, algodão e viscose são ótimas opções para o dia a dia, assim como o jeans, que é versátil e combina com praticamente qualquer ocasião. Se a temperatura esfriar um pouco, invista no veludo molhado, que é quentinho, mas costuma ser mais soltinho e está super em alta.

Invista nos longos

Nesta estação, muitas vezes está frio para mostrar as pernas (e ficamos com preguiça de colocar meia-calça), mas não queremos colocar calça. Como resolver? Investindo em peças longas, como vestidos e saias. O comprimento mídi, que para na altura do tornozelo, continua em alta no outono e é muito chique. Combine com um salto poderoso para alongar as pernas. Outra opção é o maxicolete, que tem tudo a ver com o ambiente de trabalho e também ajuda a alongar a silhueta.

Cores estratégicas

Outra ótima dica para se vestir sem medo no outono é focar nas cores certas. É claro que não existe um padrão sobre isso e que você pode usar o que quiser, mas é certo que esta temporada combina mais com tons sóbrios e fechados. Por aí entenda como preto, marrom, vermelho e cinza. Para não ficar tão monótono, combine com as cores que são tendência, como mostarda, verde-militar e ultravioleta (a cor de 2018 segundo a Pantone).

O bom e velho casaquinho

Como falei lá no começo deste post, aqui em São Paulo acontece de tudo: chove, faz sol, tem enchente, tudo no mesmo dia. Dificilmente eu saio de casa sem um cardigã (que a minha mãe carinhosamente chama de “casaquinho”) e é mesmo uma peça essencial para estes dias de outono. Outro item que deve fazer parte dos seus looks é o blazer, que é versátil e está super em alta. Um exemplo é o blazer cinza xadrez mais larguinho, bem anos 90.

Ama make? Então descubra como fazer a maquiagem durar mais no calor!

Estilo nos pés

Com as dicas acima, conseguimos montar looks lindos, mas não podemos nos esquecer dos pés, não é mesmo? O outono é a melhor época para usar e abusar das tendências da temporada e isso também se resume aos sapatos, é claro! Adoro usar botas nesta época e as de cano médio são a aposta da vez, perfeitas para quando não está muito frio. Invista nas sock boots (botas tipo meias) e nos modelos feitos com vinil e veludo. Vai ficar show!

E aí, o que acharam das dicas?

Um beijo e até o próximo post!

Fotos: Pinterest