Posts em destaque

Beleza no inverno | 5 dicas para cuidar do seu rosto durante o frio

Olá, pessoal! Contei para vocês que uma das coisas que mais mudou na minha vida com a chegada dos 30 anos foi a preocupação com o rosto. A gente começa a notar algumas manchinhas, umas pequenas rugas e mais que isso: entendemos que, se a pele não estiver bem cuidada, a maquiagem nunca vai ficar realmente boa.

E esses cuidados devem ser intensificados nesta época do ano, quando estamos no inverno. Você já percebeu que a pele fica mais ressecada no frio, né? Isso acontece porque as baixas temperaturas trazem ventos gelados e clima seco, fatores que contribuem para que a pele perca umidade. Daí é um pulo para o ressecamento.

O primeiro passo para ficar com a pele linda no inverno você já sabe qual é: beber água. Sim, gente, beber água é importante em qualquer época do ano, mas no frio é ainda mais, já que ajuda e muito a deixar a pele hidratada. Separei outros cuidados, vamos conferir?

Confira os erros de beleza que você precisa abandonar agora mesmo!

Evitar banhos quentes

Vamos combinar uma coisa? Não tem nada mais gostoso do que aquele banho quentinho em pleno inverno. Eu adoro, mas esse hábito faz MUITO mal não só para a pele, mas para o cabelo também. A água quente que a gente tanto gosta no frio é prejudicial porque remove a camada protetora da pele, favorecendo vermelhidões e o ressecamento. Já nos cabelos, a água quente deixa as cutículas abertas, um fator de risco para que os fios fiquem quebradiços e com pontas duplas. Como resolver? Simples: tome banho com água morna. Vale a pena, vai?

Hidratar as áreas ressecadas

Você já sabe o motivo que faz com que a nossa pele fique mais ressecada no inverno. Mas você já reparou que algumas regiões mais sensíveis ficam ainda mais ressecadas? Pois é, nessa listinha aqui a gente inclui os cotovelos, os joelhos, os lábios e até as olheiras. Por isso, não dá para deixar essas áreas de lado. Você precisa de hidratantes próprios para essas regiões, especialmente no caso dos cotovelos e dos joelhos. Para os lábios, use lip balms e manteigas de cacau. No caso das olheiras, invista em cremes específicos para a área dos olhos e lembre-se de dormir bem, que ajuda muito a tirar aquele ar de cansada, ok?

Cuidar do rosto à noite

Pensa só: durante o inverno, passamos o dia todo expostas ao frio, ao vento, à poluição e outros fatores que fazem muito mal para a nossa pele. É justamente quando estamos em casa que podemos dedicar um tempinho a mais para cuidar do rosto, que fica mais sensível nesta época do ano. A boa notícia é que existem alguns cremes e hidratantes próprios para o período noturno, ou seja, que agem na pele enquanto estamos dormindo (bom, né?). E, se você é esquecida como eu, coloca um alarme no celular para não perder o momento de cuidar do rosto. Afinal, quem não quer manter um rosto saudável e bonito?

Saiba como preparar a sua pele corretamente antes da maquiagem!

Não esquecer do protetor solar

Ahá! Aposto que tem gente aqui achando que o protetor solar só deve ser usado naqueles dias quentes de verão. Bom, aí vai a notícia: o protetor solar deve ser usado TODOS os dias, inclusive nos dias cinzas e chuvosos de inverno. Mesmo quando o sol está escondido, ele emite os famosos raios ultravioletas, que fazem para a nossa pele. Entre os perigos, está o envelhecimento precoce e até o câncer de pele. Então, deixa a preguiça de lado e aplica o protetor solar antes de sair de casa. Ah, vale lembrar que o produto deve ser adequado para o seu tipo de pele, ok?

Investir na água termal

Preciso confessar que eu sou completamente viciada em água termal. Como minha pele é seca, eu sempre aproveito para dar umas borrifadinhas de água termal no rosto ao longo do dia. No inverno, ela entra em ação para repor não só a água, mas uma gama completa de nutrientes, como cálcio, zinco e magnésio. Com isso, faz uma limpeza na camada mais superficial da pele e o resultado é que o rosto fica mais hidratado. E olha só que legal: hoje em dia, existem algumas opções de água termal bem mais em conta e em tamanhos perfeitos para levar na bolsa. Agora não tem desculpa para não usar, hein!

 

E você, tem outro cuidado que gosta de tomar para cuidar da pele no inverno? Me conta!

Um beijo e até o próximo post!

Diferenças entre os tipos de fios de meia calça

Olá, pessoal! Vamos combinar uma coisa? Não existe nada no vestuário feminino que seja tão desagradável quanto a meia calça. É desconfortável e, ainda por cima, coça que é uma beleza. Fora que qualquer descuido pode acarretar em furos e desfiados na meia. Sério, ô treco chato de usar!

Mas ela tem lá sua importância e é bem isso que você está pensando mesmo: proteger o corpo do frio. No inverno, a gente usa mais calça e é normal, só que, às vezes, temos alguma festa ou evento mais chique que pede um vestido e uma saia. E aí, amiga, não tem como fugir: você vai ter que usar meia calça – a não ser que queira morrer de frio e correr o risco de ficar doente!

A parte boa é que existem diversos tipos de fios e texturas. Dependendo da temperatura, dá para colocar uma meia mais fininha que não coça tanto. Em outros casos, por exemplo em uma viagem para um país com inverno rigoroso, é preciso usar uma meia mais grossa por baixo da calça (já precisei, viu?) e ficar mais quentinha. Para não ter dúvidas, vamos conhecer as diferenças entre eles?

Finas

206e007d022fa274ff619f7e51714f69

O nome diz tudo: são meias com fios bem fininhos e ideais para dias em que o frio não está tão forte. Não por acaso, são as que a gente mais costuma usar. As numerações costumam ir desde o 7 até o 20, sendo que o 15 é um dos mais comuns. É a melhor pedida para deixar as pernas a mostra de uma forma mais natural e ainda pode ser usada para disfarçar manchas ou marcas. Para não ter erro, peça à vendedora para testar o tom na sua pele (normalmente, elas possuem algumas amostras para testes).

Eu sempre uso a mais próxima da minha cor de pele, mas um bom truque é escolher um tom acima para parecer bronzeada. Ah, outra dica legal é escolher um modelo em que os dedos ficam descobertos para usar com ankle boots e outros sapatos abertos na frente. O único ponto de atenção é que elas devem ser colocadas com muuuuito cuidado porque rasgam com mais facilidade.

Grossas

89ba9f174c5553bb27a698b86e5b0930

Por serem mais quentes, podem ser usadas quando o frio fica mais intenso ou mesmo para criar um efeito diferente no look. A numeração vai do 40 até 80, sendo que os fios ficam bem visíveis. A preta é a mais vendida, mas eu acho legal escolher outras cores e texturas (como cinza, azul-marinho, vermelho ou até xadrez) para combinar com peças mais básicas.

Lembre-se de que este caso é oposto do de cima, ou seja, as meias grossas costumam coçar e pinicar mais, especialmente as feitas com lã. Mulheres de pernas grossas (tamo nessa, time!) devem evitar meias de cores claras, pois costumam aumentar o corpo. De resto, é só escolher a que mais combina com o que você já tem no armário e arrasar!

Muito grossas

239bc05a2c56c578b78a0bae7db6378a

Pois é, existem meias ainda mais grossas do que as citadas aqui em cima. Elas costumam variar entre fio 110 e 150 e podem ser usadas em dias extremamente frios ou até mesmo como calça legging. O material é o mais resistente do grupo e costuma misturar algodão, poliamida e elastano. Esse mix de tecido também deixa a meia confortável – ela é a mais quente, mas a que menos coça.

O mais legal das meias muito grossas é que apresentam grande variedade de acabamentos e texturas. Existem as metalizadas (ideais para combinar com um look de pegada anos 80), as estampadas com animal print, as caneladas e por aí vai!  Ah, aqui também se encaixam as meias de compressão, bastante usadas em procedimentos cirúrgicos e por atletas de corrida, pois facilita a circulação das pernas.

Outros tipos

b8e71c04260f7e9a87016863078f2cea

Se você adora o estilo ladylike e quer levar algo de romântico para o look, uma boa dica é investir nas meia calças com estampas de póas ou coração, feitas com fios fininhos. Fica superfofo e dá um ar divertido e charmoso!

Como o assunto é meia, vale falar sobre a arrastão, com fios trançados que não protegem do frio e que são mais usados por quem curte o estilo rocker ou em festas a fantasia. Temos ainda a 7/8, que para na altura das coxas com um detalhe rendado e é preferida das pin-ups e a 3/4, que para no tornozelo bem no estilo soquete.

 

E vocês, quais tipos mais costumam usar?

Um beijo e até o próximo post!

Tá frio, e agora?

O outono chegou faz um tempo, mas só agora que as temperaturas começaram a baixar e o friozinho está fazendo parte da nossa rotina. Mas e agora, como adaptar um guarda-roupa que estava prontinho para o verão para esse clima estranho, calor de dia e frio de noite?

Não se desespere! Temos a sorte de estarmos em um país tropical onde as roupinhas de verão  como vestidinhos e croppeds podem naturalmente compor um look de inverno. Algumas camadas a mais e é possível ficar linda sem passar frio. Além disso, é bom aproveitar a estação que deixa todo mundo mais elegante e chique!

Vamos falar das opções?

Jaquetas e casacos tendência

Chegou a hora de tirar as jaquetinhas do armário, e já não era sem tempo! Mas já que ainda estamos no clima meia-estação, vale misturar uma jaqueta mais quentinha, como a super tendência Puffer Jacket, com um vestidinho, ou saia com cropped. Além de estar atual, esse look garante a brincadeira com proporções e volumes que é sucesso garantido!

jaqueta 2

Se o frio é pouco, e está mais para um ventinho gelado, a atemporal jaqueta jeans cai perfeitamente em qualquer situação. Para compor um look mais rock n’ roll ou para quebrar a vibe romântica de um vestidinho, essa peça é perfeita. Os modelos variam, as mais básicas tradicionais, as oversized com rasgos e aplicações, com frases nas costas, você escolhe o que faz mais o seu estilo.

jaqueta

Tricot e mais tricot

Não tem como falar de frio sem falar de tricot. E nessa temporada eles vieram com tudo. Tem tricot para todos os gostos, com proporções exageradas, curtinhos, longos, com lurex, coloridos e básicos. Se você ainda não é adepta pode experimentar essa peça que une conforto e estilo.

trico 2

Assim como as jaquetas, essas peças são perfeitas para compor um look que vai do calorzinho da manhã para o frio da noite nesses dias de outono. Acompanhados de uma calça jeans ou de um vestido, ficam lindos e superfemininos.

tricot 3

Óculos de sol porque sim

Não é porque o verão foi embora e a praia não é mais destino certo que precisamos abandonar os óculos de sol, não é mesmo? Essas peças deixaram de ser somente funcionais há muito tempo. Hoje, um óculos de sol é um elemento que da personalidade e estilo extra. As últimas tendências para óculos trouxeram algumas novidades, além das já muito populares armações redondas e lentes espelhadas, as lentes claras. Sabe aquela lente degradê que deixa os olhos visíveis? Elas voltaram com tudo, e nas mais diversas cores e formatos. Vamos arriscar?

óculos

 

E aí, o que vocês acharam destas tendências? Sou suspeita porque amo todas! 🙂

Um beijo e até o próximo post!

*Post feito em parceria com a AMARO

6 coisas boas do outono

A gente espera meses até a chegada do verão e, num piscar de olhos, ele vai embora. Rola até uma depressão quando a gente pensa nisso porque não tem época mais gostosa e alegre do que os três meses mais quentes do ano. Mas não é para desanimar, poxa! O outono já chegou e tem, sim, suas vantagens. Vamos conferir algumas?

 

Começo do frio

f8160933f2a88abf6a27a202f06faad5

Tem gente que odeia frio, mas eu acho mais prático para o dia a dia. Ok, é ruim para acordar (especialmente se for cedo) e faz com que a gente ande por aí com mil roupas e casacos, mas a disposição melhora muito, não é mesmo? Até andar 10 metros naquele calorão do verão cansa. Aliás, brinco que o verão só é bom na praia ou na piscina…

 

Roupas chiques

c907aa475ea6529c6648d75018b887c1

Essa é a melhor parte do outono/inverno. Adoro usar vestidos e rasteirinhas, mas AMO sair por aí de botas, casacões, cachecol. Até mesmo uma produção simples e básica fica mais bonita no inverno. Pode ir se preparando para tirar esses itens do armário, porque você vai começar a usá-las muito em breve.

 

Clima romântico

7334446963590e99bcedcc155c5e32dd

O friozinho, por si só, proporciona aquele clima gostoso para aproveitar ao lado do boy. Mas, no outono, temos todo um visual bucólico em que as folhas das árvores assumem tons terrosos até caírem. Aproveite os dias mais quentinhos para passear no parque e se encantar com as folhas que ficam no chão. É uma ótima dica!

 

Fim do horário de verão

203aad6c0f912bc4246f92e64e0fd312

Essa parte me deixa triste. Eu AMO horário de verão, principalmente pelo fato de sair do trabalho com o dia ainda claro. Mas tem a parte ruim, que quase todo mundo odeia. Adiantar o relógio em uma hora é terrível nos primeiros dias e quem levanta cedo fica no escuro, já que o dia amanhece mais tarde. Taí um ótimo motivo para aproveitar o outono.

 

Temos a Páscoa

54f5664682188ec591918c5cbdebac14

Não tem feriado mais doce do que a Páscoa, concordam? Brinco que posso viver de dieta o ano todo, mas não tem como ficar sem comer chocolate nesta época. É a desculpa perfeita para se empanturrar em culpa e ainda viajar ou ficar perto da família. O outono ainda traz outros feriados nacionais, como Tiradentes e Dia do Trabalho e recebe as primeiras festas juninas do mês. Ô coisa boa!

 

Comidas quentinhas

4d04de1589d29e4d0fad33f1a3d0070e

Por falar em Páscoa e chocolate, basta as temperaturas caírem para a gente sentir vontade de trocar a salada e o sorvete por alimentos mais quentinhos. As sopas ganham destaque, assim como o fondue e as massas. Sim, é tudo bem mais calórico e é comum engordar no período, mas é só se controlar e manter o foco na academia depois. Aliás, é muito melhor treinar no frio do que debaixo daquele sol todo do verão.

 

Gostaram das dicas? Espero que aproveitem o outono!

 

Um beijo e até o próximo post.

5 dicas para cuidar da pele durante o frio

Alguém aí já reparou que a nossa pele é uma das regiões do corpo que mais sofre durante o outono/inverno? Isso acontece por conta da exposição constante ao vento e ao frio e o resultado são rachaduras e ressecamento. É normal que ela fique mais seca durante estes meses, mas é preciso intensificar a rotina de cuidados para manter a aparência saudável. Vamos anotar as principais dicas?

 

Hidratação

9b0e9b5c12b48e712b0f3df047ad4710

Justamente por estar mais seca, a pele precisa ser hidratada, no mínimo, uma vez por dia. O ideal aqui é buscar alguns componentes que ajudam a dar conta do recado, como ureia e óleos vegetais. O horário mais recomendado pelos especialistas é alguns minutos após o banho. Para o rosto, não se esqueça do protetor solar (sim, ele deve entrar em cena mesmo em dias nublados) e de produtos com vitamina C.

 

Banhos mornos

6a102d4f88a1ffd930ced4fe949e0905

Ok, o vento e a baixa umidade do ar já fazem um estrago danado na nossa pele, mas sabe quem mais aparece na lista de maiores vilões desta época? O banho quente. Pois é, não tem nada mais gostoso do que um banho quentinho no fim do dia, mas a temperatura da água remove as camadas protetoras da pele, favorecendo o surgimento de alergias e ressecamento. O segredo é tomar uma ducha morna e rápida com sabonete líquido (nada de buchas e esponjas).

 

Limpeza

b838614fd6b7e1a58996e39bebe89fc6

Por mais cuidadosa que a gente seja, sempre voltamos para casa com sujeira acumulada na pele, especialmente em locais com poluição. Daí a importância de lavar bem pelo menos duas vezes por dia e aplicar tônicos que sejam ideais para o seu tipo de pele. Mas nada de exagerar, combinado? Lavar muito também retira a camada protetora da pele e provoca o efeito contrário.

 

Esfoliação

a9facbbb8aa1979fe00a0be2075e9741

Confesso que passo batido pela esfoliação, mas vale fazer um esforço e incluir a etapa na rotina de cuidados a cada 15 ou 20 dias. Responsável por dar aquela repaginada na pele, ela remove as células mortas e elimina qualquer resíduo (inclusive de maquiagem). Procure intensificar nas áreas que mais sofrem nesta época do ano, como cotovelos e joelhos.

 

Alimentação

530a3026b14d28c15b75fdecd5d8600b

Não basta apenas apostar nos cosméticos adequados, afinal, nossa alimentação também influencia e muito na aparência. É um pouco mais difícil pegar firme na dieta em um período com tantas delícias, como o fondue, mas trocar a gordices por algo mais leve ajuda. O que incluir? Frutas, castanhas, proteínas e, claro, MUITA água. Também é válido complementar o cardápio com chás digestivos.

 

Gostaram das dicas?

 

Um beijo e até o próximo post!

 

Fotos: Pinterest