Posts em destaque

Carnaval: Cuidados para aproveitar a folia com saúde e beleza

Olá, pessoal! Vocês também estão contando os dias para o Carnaval? A folia mais aguardada do Brasil vai começar nesta sexta com a promessa de quatro dias livres para fazer o que você bem entender. Pois é, dá pra pular à vontade no bloquinho, mas também dá para viajar e apenas curtir o feriado. Tem coisa melhor?

Bom, seja qual for sua escolha, é fundamental cuidar da saúde e da beleza. Pensando nisso, aproveitei para gravar um vídeo com alguns cuidados que devem estar presentes na sua vida nesta época do ano. Vem ver:

Ah, este vídeo foi feito em colaboração com outras youtubers amigas, então dá uma olhadinha na descrição do vídeo lá no canal (aproveita e se inscreve, tá?) e vai ver os vídeos delas também!

Um beijo e até o próximo post!

5 dicas para guardar as roupas de inverno

Olá, pessoal! Estamos em pleno verão e o calor é tanto que a gente nem consegue pensar em casacos, botas e cachecóis. É justamente por isso que essas peças costumam ficar amontoadas ou jogadas de qualquer jeito lá no fundo do armário. Só que o ano passa tão rápido que, quando chega o inverno, é aquele pavor para encontrar todas as roupas de novo.

Pensando nisso, preparei uma listinha com algumas dicas para ajudar a organizar as roupas de inverno. A melhor época para fazer isso é exatamente agora, quando a gente sabe que elas ficarão intocáveis por alguns meses. Espanta essa preguiça e vem comigo que é tudo bem tranquilo.

Faça uma triagem

f52b7de0bc6d06aa2713a7af2265dfdb

Antes de mais nada, aproveite a arrumação para separar o que você não usa mais. E nessas horas, não tem nada melhor do que praticar o desapego. Peças que não foram usadas devem ir direto para o descarte, enquanto outras que você ainda está na dúvida podem ficar na pilha das incertezas. Guarde o que você mais gosta e, se tiver espaço, coloque as que não está tão certa. E depois, quando o inverno acabar, você conseguirá ver se usou ou não. É uma ótima forma de doar peças para quem precisa e praticar uma boa ação, não é mesmo?

Lave as roupas antes de guardar

2c184bd5f0b9b60c716e8896873724d5

A gente sabe que roupa guardada por muito tempo costuma ficar amassada e com mau cheiro. Imaginem o que acontece quando elas ficam armazenadas por muito tempo sem nem ver um tanque e um sabão. Por isso, o jeito é separar todas as peças, lavar bem e usar um tira-manchas com ação bactericida. Desse modo, a gente consegue organizar o armário com peças cheirosas, secas e limpinhas. Bom, né?

Encontre a melhor forma de organização

60fb95a6ad88dc2128334d11b0aafb63

Se você tem um armário pequeno e sem espaço para guardar todas as roupas, uma dica é organizar o que vai ser guardado. Pode dividir por função e armazenar em caixas ou até mesmo embalar casacos mais pesados em sacos à vácuo. Quanto às botas, a melhor forma de manter tudo em ordem é dar uma geral na sapateira ou no local em que elas serão guardadas antes de fazer a arrumação. Esses espaços são mais propensos a acumular pó e sujeira que, muitas vezes, podem estragar o sapato. Não disse que era para deixar a preguiça de lado? Vale a pena, vai?

Escolha o local certo

2bffe02f8ee076338395b4b9ac477a7c

Você já separou, lavou e organizou todas as peças, mas agora falta um detalhe muito importante: onde guardar. Parece difícil encontrar a resposta, mas é tudo muito simples. Os nichos e gavetas que estão mais ao seu alcance devem ser reservados para as roupas que usa com mais frequência, portanto, peças de verão. As roupas de inverno devem ir para as prateleiras de cima, só tome cuidado para não deixar que fiquem amontadas. Respeite o espaço disponível e lembre-se de tirar um casaco e uma calça, pelo menos, caso tenha uma virada de tempo.

Deixe-as arejadas e frescas

7c516ed425a7395a73b0be17cde644ef

Pois é, não adianta apenas lavar e deixar tudo organizado. Para garantir que as roupas guardadas continuem com cara de novas quando o inverno chegar, é fundamental deixar que elas arejem de vez em quando. Ou seja, separe um tempo para tirá-las do armário e fazer com que tomem um pouco de sol e ar para, então, guardá-las de novo. Aliás, outra dica para conservar as peças é colocar um sachê ou enfeites com cheirinho no mesmo lugar das roupas para fazer com que fiquem cheirosas. Eu sempre faço isso e dá certo!

 

Gostaram das dicas? O que mais vocês fazem para guardar as roupas de inverno?

Um beijo e até o próximo post!

Fotos: Pinterest

6 alimentos típicos da primavera

Eba, a primavera chegou! Tenho um carinho especial por essa estação não apenas por ser a mais florida do ano, mas por realmente ser um período de renascimento. É só comigo ou vocês também se sentem mais leves e alegres nesses meses?

Muita gente também aproveita a primavera para começar de vez a academia e entrar em forma para o verão. Mas não adianta só pegar pesado no treino e não comer direito. Pensando nisso, uma ótima ideia é aproveitar os alimentos próprios da estação, que estão mais fresquinhos nesta época e garantem ainda mais benefícios. Vamos conhecer alguns deles?

Berinjela

berinjela

O sabor amargo desse vegetal não agrada todos os paladares, mas vale a pena fazer uma forcinha para incluí-lo no cardápio. Além de ter baixa caloria (olha aí um ótimo motivo), é rico em fibras e em diversas vitaminas. Ela ainda faz superbem ao coração, ao cérebro e à pele. Isso mesmo, uma porção de berinjela combate os radicais livres, previne o envelhecimento precoce e te deixa com a aparência saudável. Bom, né?

Pêssego

beneficios-do-pessego

Amo suco, drinks e cosméticos com cheirinho de pêssego, mas a fruta… Bom, a fruta acaba passando um pouco longe de mim. Ainda bem que tive a ideia de escrever este post porque são tantos benefícios que vou me esforçar para comer mais. Vamos lá: ajuda na saúde dos olhos e na capacidade de visão, é ótimo para aquele efeito detox que a gente tanto ama, reduz a formação de rugas e é um amigo e tanto na hora de perder peso – são apenas 50 calorias por fruta!

Abacaxi

download

Tenho uma relação complicada com esta frutinha aqui. Amo o sabor e acho supergostoso, só que a acidez me causa aftas. Tenso, né? De vez em quando, eu me arrisco porque ele é tão saboroso e nutritivo que vale o sacrifício. Ideais para quem está com algum problema digestivo, o abacaxi ainda ajuda no tratamento de gripes e resfriados, tem propriedades anti-inflamatórias e dá uma forcinha no combate às doenças de pele.

Mamão

10-beneficios-do-mamao-para-a-saude

Mamão tem um cheiro nojento, né gente? Eu detesto, mas ele é ultranutritivo. Então, se você gosta, pode cair matando. Muito indicado para problemas de digestão, ele também é ótimo para acabar com espinhas e deixar a pele com brilho. O consumo é ótimo ainda para reduzir o nível do colesterol ruim e melhorar a saúde do coração. Mesmo assim, continuo odiando. Tenho pavor até de shampoo com cheiro de mamão. Vai entender…

Abóbora

beneficios-da-abobora

Sempre que vejo uma abóbora, lembro na hora da carruagem da Cinderela (quem nunca?). Também penso que sempre tive vontade de fazer aquela decoração típica de Halloween. Daí, sei lá, acho as abóboras tão bonitinhas que me dá dó de comer. Estou me esforçando para mudar esse pensamento porque ela melhora a visão, ajuda a entrar em forma, estabiliza a pressão arterial, contribui para uma boa noite de sono e ainda oferece benefícios exclusivos para a saúde da mulher!

Brócolis

brocolis

Acho o brócolis tão simpático, parece uma arvorezinha. Além de fofo, o vegetal é anti-inflamatório e relaxa os músculos do coração e das artérias. Também protege o corpo da exposição solar, atua no sistema imunológico, deixa os ossos mais fortes e alivia alergias e coceiras. Para as gravidinhas de plantão, uma ótima notícia: o alto teor de ácido fólico, que auxilia na formação do bebê!

 

Um beijo e até o próximo post!

6 dicas para manter a boa forma no inverno

Chega o inverno e uma das nossas maiores preocupações é manter a dieta em dia. Parece impossível (e ok, é bem difícil mesmo) resistir a tantas delícias sem que o ponteiro da balança suba. A gente até tenta deixar as gordices para um ou outro dia, mas a missão é tão complicada que jogamos a toalha em algum momento e só voltamos a nos lembrar da dieta quando a estação acaba.

Se você também faz parte desse grupo, pode começar a se animar! Sim, o inverno vai continuar a nos deixar tentadas a jacar, mas é só ter força de vontade e o mais legal de tudo: seguir algumas dicas que ajudam (e muito) a manter o corpo em dia durante a estação. Vamos conferir quais são?

 

Não abandone a academia

22be46c3971410aa4e3266d033a5a4ed

 

Reparou como a preguiça de se exercitar é maior no inverno? Como é difícil acordar cedo sabendo que a gente vai para a academia, não é mesmo? Dá aquela vontade de continuar a dormir mais um pouquinho. Só que é aí que mora o perigo: quando a gente abandona os exercícios físicos, a queima de calorias é mais devagar e os nossos exageros alimentares terão, sim, consequências diretas na balança. Então, amiga, não tem outro jeito a não ser superar a preguiça e encarar o treino sem desculpas.

 

Prefira atividades de intensidade moderada

2b617c97a2fdf3765f1fd327c47ad81e

Todas nós sabemos da importância dos exercícios físicos para a nossa saúde. Só que muitas (e, acreditem em mim, já fiz parte desse time por muito tempo) ignoram os benefícios e continuam sedentárias. Nesse caso, vale começar agora mesmo com uma atividade aeróbica de intensidade moderada, que apresentam melhores resultados durante o inverno. Sem ideia do que fazer? Anote aí: pilates, ioga e uma caminhada diária de, no mínimo, 30 minutos já dão conta do recado.

 

Não se esqueça de usar roupas adequadas

24a800c645f9ebb78f693efc9243ebc0

Se você prefere se exercitar em áreas abertas, como parques e praias, vale o bom e velho conselho da minha mãe: levar um casaquinho. Brincadeiras à parte, é fundamental usar roupas próprias para suportar as baixas temperaturas. Ou seja, procure por peças específicas para a prática de atividades físicas, que ajudam no processo de transpiração e deixam o corpo seco. Caso o frio esteja rigoroso, vale começar com um casaco específico para a atividade e, se for necessário, proteger as extremidades do corpo com luvas, meias e gorros. A ideia é ficar em forma e não doente, certo?

 

Faça trocas alimentares

3f17f479d2a3e2e0ee1b355c019729a8

Agora vem a parte difícil: a comida. Sei que é muito difícil recusar as delícias gastronômicas do inverno, mas dá para fazer algumas trocas não tão complicadas assim. Sabe aquela sopa em versão creme? Experimente trocá-la por uma versão mais leve com legumes. Ok, não é tão gostoso, mas ao menos esquenta o corpo. Outra dica é substituir o chocolate ao leite pelo meio amargo, trocar o queijo amarelo pelo branco e maneirar no vinho, afinal, álcool em excesso faz muito mal. Para ficar mais fácil, veja se suas amigas também querem pegar leve na alimentação e combinem de uma incentivar as outras!

 

Durma bem

d33eafb05f6261e666713920d9b99a3f

É normal sentir mais sono durante o inverno. Isso acontece porque a estação traz uma série de mudanças climáticas. As horas de sol são menores, enquanto as noites são mais longas e o tempo fica mais frio. Sem falar no metabolismo, que fica mais lento, e no aumento de roupas que usamos. Tudo isso faz com que a gente fique mais recolhida e confortável quando estamos dormindo. Mas tem algo muito bom nisso: dormir bem facilita a queima de gordura. Só que mais do que as horas recomendadas para repouso, vale pensar na qualidade. É preciso estar relaxada e em um ambiente propício para ter um sono de qualidade e comprovar os resultados.

 

Beba água

00551d60d1f54be1be01a959088159c5

Sim, sou repetitiva e sempre incluo este tópico nas minhas listas. Mas, de verdade, beber água é tão importante e essencial na nossa vida que não tem como ficar de fora. Além de deixar nosso corpo hidratado e saudável, a água promove a sensação de saciedade – evitando que a gente coma além do que realmente precisamos – e ajuda no processo de digestão, diminuindo a sensação de inchaço e problemas intestinais. Viu só como a água faz bem?

 

Gostaram das dicas? Quais outros cuidados vocês tomam para evitar a jacada durante o inverno?

Um beijo e até o próximo post!

Fotos: Pinterest

5 alimentos para comer sem culpa nas festas juninas

Não tem jeito: entra ano, sai ano e a minha comemoração favorita continua sendo a festa junina. Acho uma graça a decoração com as bandeirinhas, as barraquinhas, as brincadeiras tão simples com as crianças (amo a pescaria), as roupas xadrez e o clima gostoso de interior. Mas tem um motivo que supera qualquer outro desses: a comida. Tem coisa melhor do que o cardápio de festa junina? Na lista, temos quitutes como cachorro quente, crepes, canjica e tantas outras delícias. Sério, gente, eu PIRO em festas juninas.

Mas aí, no dia seguinte mesmo, já vem aquele peso na consciência por conta da jacada. A boa notícia é que dá, sim, para pegar leve nesses eventos. Ok, eu sei que já falei sobre esse tema lá no comecinho do blog, mas é junho e a gente quer mais é se acabar na quadrilha, então vai ter repetição de post e pronto. Brincadeiras à parte, aviso que é preciso ter muita determinação para seguir esse roteiro magrinho aqui embaixo. Vamos conferir?

 

Milho

Pensa só na quantidade de alimentos juninos à base de milho: curau, bolo, pamonha, canjica e tantas outras maravilhas. Mas o melhor quitute desse grupo todo é a espiga de milho, que protege contra doenças cardíacas, retarda o envelhecimento, controla a pressão arterial e ainda fortalece os ossos. Vale também um saquinho pequeno de pipoca para comprovar os benefícios. O que não pode? Exagerar no sal e na manteiga, que são perigosos e calóricos.

 

Pinhão

e8d2081f00b82df378e855abde135358

Já falei sobre as maravilhas do pinhão no post sobre as comidas típicas de inverno, mas vale relembrar para dar água na boca. Fonte de fibra, ele ajuda nas funções intestinais e controla os níveis de colesterol. Mas ainda tem mais: melhora a circulação sanguínea e estabiliza a pressão arterial. O único ponto de atenção é o excesso, já que o alimento também é calórico.

 

Bolo de fubá

dd3ae13cf80187e48ecc0712dd2a2a1f

Rola um papo de que o fubá engorda e muita gente tira essa delícia (que tem gosto de infância na casa da vó, fala aí) do cardápio. Você também ama essa maravilha aqui? Então pode se animar, porque o ingrediente é uma excelente fonte de fibras, ótimas para quem sofre de doenças cardíacas, obesidade e diabetes, além de dar uma forcinha para o sistema imunológico. O que não dá é cair matando e comer o bolo inteiro, ok?

 

Espetinho de carne ou frango

f97533f07a330d423ae00cdde691aa22

É um clássico da festa junina que faz superbem à saúde. Além do alto teor de proteínas, essenciais para a nossa sobrevivência, eles ajudam a ganhar massa muscular, atuam no sistema imunológico e ajudam no transporte de oxigênio dentro do corpo. O problema é que a gente não consegue comer um espetinho só, então o resultado se transforma no excesso de comida. Viu, amiga, tem que se controlar!

 

Vinho quente

7c67d8767e298364a0cc70e0c7933643

Nada mais gostoso do que uma bebida quentinha para aliviar o frio, não é mesmo? E se essa bebida ainda for boa para a saúde? O vinho quente é composto por resveratrol, substância que protege o coração. Isso sem falar no poder de dilatar os vasos sanguíneos, o que estabiliza a pressão arterial, e de controlar as taxas de colesterol. Antes de pegar sua caneca e preparar o brinde, é bom ficar atenta, já que álcool em excesso é um dos maiores vilões da saúde.

 

Gostaram das dicas? Agora fica mais fácil se jogar na festa junina sem culpa!

 

Um beijo e até o próximo post!

Fotos: Pinterest