Posts em destaque

5 livros que deixam o coração quentinho

Olá, pessoal! Faz tempo que não passo por aqui para falar de livros, né? Continuo apaixonada por leitura e acho que não tem nada mais gostoso do que mergulhar em uma história, torcer para os personagens e viver as mais variadas sensações. Resumindo: LER É TUDO DE BOM!

Quem me acompanha aqui sabe que eu gosto de ler livros do gênero chick lit, ou seja, os famosos livros de mulherzinha. É verdade que muitas histórias se repetem e caem no clichê, mas algumas marcam e fazem um bem danado ao nosso coração. Sabem aqueles livros que a gente guarda com carinho na memória e que, só de lembrar, já fazem a gente abrir um sorriso? Preparei uma lista com alguns deles, vem dar uma olhada:

Fiquei Com o Seu Número – Sophie Kinsella

download

Eu amo todos os livros da Sophie Kinsella, mas este aqui talvez seja o mais fofinho entre eles. A história fala sobre Poppy, uma jovem que está prestes a se casar, mas acaba perdendo seu anel caríssimo de noivado e seu celular. Sorte que ela acaba encontrando um celular perdido, mas mais tarde descobre que ele é de um executivo que não gosta nada de ter alguém bisbilhotando suas mensagens. É uma situação bem doida, eu sei, mas a gente acaba se envolvendo com os personagens. Dá um dó de ver o desespero da Poppy tentando encontrar o anel, gente! Fora que é todo mundo muito humano nesse livro. Eu amei!

Para Todos os Garotos que Já Amei – Jenny Han

download (2)

Vejam só: tenho quase 30 anos, mas vira e mexe pego um livro teen para ler. É que alguns são tão fofinhos e deixam a gente com uma saudade imensa da nossa época de adolescente. Foi assim com este livro. Fiquei completamente apaixonada pela Lara Jean, a protagonista, que descobre um belo dia que as cartas que escreveu sobre os crushes foram parar nas mãos deles (imagina o pavor se acontece isso com a gente). Para fugir do ex da irmã, um dos crushes, ela resolve fingir um namoro com o garoto mais popular da escola. A história em si não é tão interessante, mas me rendeu ótimas lembranças dessas confusões que a gente passa na escola. Tudo é muito fofo: a família dela, os costumes, a irmã mais nova, o namorado de mentirinha e por aí vai. Recomendo também os outros livros que vieram na sequência: P. S. Ainda Amo Você e Agora e Para Sempre, Lara Jean.

Simplesmente Acontece – Cecelia Ahern

Simplesmente-Acontece

Existem diversos livros que falam sobre aquele amor que a gente nunca esquece. Mas o legal deste aqui é que ele é todo feito em forma de mensagens, cartas, e-mails e outros meios de comunicação, ou seja, não existe narração nem diálogos diretos. E isso começa quando os protagonistas são adolescentes e só termina quando já estão na casa dos 50 anos. Parece cansativo? Na verdade, é o oposto. Você lê voando e acontece de tudo: ri, chora, quer bater nos dois para ver se eles se tocam, fica com raiva, ri de novo, sorri, fica feliz. É realmente MUITO fofo! E não, não é igual ao filme baseado que fizeram. O livro é mil vezes melhor.

Uma Longa Jornada – Nicholas Sparks

imagem

Muita gente ama o Nicholas Sparks, mas eu tenho um leve bode porque todas as histórias dele são iguais. Mas, entre elas, escolhi Uma Longa Jornada porque fala sobre um amor que ultrapassa a barreira do tempo. Na verdade, ele mistura o relacionamento de dois idosos, que se amam desde a juventude, e um casal na casa dos 20 que está começando um namoro. A parte fofa é a dos idosos, justamente por mostrar que é possível, sim, ser casado com uma única pessoa por toda a vida e que o amor supera qualquer coisa. E ah, não sei vocês, mas eu tenho um fraco com histórias de amor na terceira idade. É tão lindo e fofo!

O Pulo da Gata – Fernanda França

Capa

A Fernanda França já é fofa por si só né, mas ela gosta de fazer livros que também deixam o coração bem quentinho. Talvez por ser de uma autora brasileira e se passar em São Paulo, O Pulo da Gata é o livro mais próximo da minha realidade que eu já li. E apesar da protagonista ser chatinha (acontece né, gente), todos os personagens são muito humanos também. Todo mundo tem um defeito e uma qualidade, mas pensam sempre em ajudar. E a leitura flui tão fácil que quando você vê, já está terminando a leitura. Vocês também vão amar, tenho certeza!

 

E vocês, lembram de outro livro fofinho?

Um beijo e até o próximo post!

Eu li: O Pulo da Gata – Fernanda França

Olá, pessoal! Vocês sabem que eu adoro ler livros do gênero Chick Lit (os famosos livros de mulherzinha) e sempre tive os meus autores favoritos. Sentia muita falta de ter uma autora brasileira preferida, até conhecer a Fernanda França. Meu primeiro contato com ela foi em 2014, quando li Bolsas, Beijos e Brigadeiros e, desde então, fiquei morrendo de vontade de ler outras histórias dela.

Meu desejo virou realidade há alguns meses, quando troquei um vale presente – contei aqui que eu AMO ganhar vales de livrarias, né? – pelo livro O Pulo da Gata. Bastou abrir a primeira página para matar a saudade da Fernanda e perceber que ela já é uma autora muito querida por mim.

capa

Neste livro, ela conta a história de Maggie May, uma jovem de 23 anos que sempre sonhou em se casar com tudo que tem direito (igreja, véu, grinalda, festão e todo o combo). O problema é que ela acha que está muito velha para isso e quer se casar o mais rápido possível. Depois de inúmeras tentativas e relacionamentos frustrados, ela conhece Felipe em um site de relacionamentos e acha que ele é o príncipe encantado que ela tanto sonhou.

O problema é que as coisas não acontecem como o esperado e ela precisa se redescobrir para dar a volta por cima. Para isso, conta com a ajuda de Eric, um ator que vive de shows de stand up comedy e se revela um grande amigo.

Gravei um vídeo contanto um pouquinho mais do livro. Espero que gostem:

Como falei antes, este livro é uma graça e me deixou acordada por várias e várias noites, quando eu não conseguia mais parar de ler. É ideal para quem gosta de romance, drama, comédia e lições de vida. Uma delícia mesmo!

E vocês, já leram?

Um beijo e até o próximo post!

Livros lidos em 2016

Olá, pessoal! Nossa retrospectiva continua firme e forte e chegou a hora de falar sobre uma das coisas que eu mais gosto no mundo: livros. Uma das minhas metas de 2016 era ler mais livros do que ano passado. Li 14 livros em 2015 (confira aqui a lista completa) e, neste ano, foram 15 títulos lidos, oba! Missão dada é missão cumprida rs!

 

sem-titulo

Confesso que alguns demoram mais e, em alguns momentos, eu precisei correr contra o tempo, mas no fim deu tudo certo. Aproveitei para gravar um vídeo falando sobre cada livro e, no final, conto qual foi meu favorito do ano. É só dar play e assistir:

Livros lidos neste ano por ordem de leitura

– A Mulher Que Roubou Minha Vida (Marian Keyes)

– Joyland (Stephen King)

– P.S. Ainda Amo Você (Jenny Han)

– Depois de Você (Jojo Moyes) *Continuação de Como Eu Era Antes de Você

– Corra, Abby, Corra (Jane Costello)

– Uma Carta de Amor (Nicholas Sparks)

– Um Presente da Tiffany (Melissa Hill)

– A História de Nós Dois (Dani Atkins)

– Wicked (Gregory Maguire)

– Uma Pitada de Amor (Katie Fforde)

– Uma Noite com Audrey Hepburn (Lucy Holliday)

– É Do Babado (Evelyn Regly)

– Becky Bloom ao Resgate (Sophie Kinsella)

– O Pulo da Gata (Fernanda França)

– Dez Coisas que aprendi sobre o amor (Sarah Butler)

 

E você, quais livros leu neste ano? Conta para mim aqui nos comentários, vou amar ler também!

Um beijo e até o próximo post!