Categorias
Cultura Filmes

Top 5 – Filmes que se passam em escolas

Estamos no finalzinho de novembro e muita gente já está (ou está contado os dias para sair) de férias escolares. Contei aqui algumas vezes que eu amava ficar em casa sem fazer nada nos meus primeiros dias de férias, mas depois batia um tédio sem fim. Seja como for, era maravilhoso passar quase três meses inteirinhos longe da escola – e, no meu caso, de matérias que envolviam números, já que nunca fui boa nisso.

Por isso, preparei um Top 5 com sugestões muito bacanas de filmes que retratam bem o ambiente escolar, tanto em colégios quanto em faculdade. Todos envolvem situações e personagens que todas nós encontramos nos nossos primeiros anos de vida: professores carismáticos, amigos pra lá de legais, o cara bonitão, a menina popular que se acha e por aí vai. Dá só uma olhada:

 

Meninas Malvadas

mean-girls-lindsay-lohan_1920x1080_260-hd-1024x576Coloquei este filme em um dos primeiros Top 5 que fiz para o blog – sobre opções para ver com as amigas –, mas é tão clássico que não dá para ficar de fora, concordam? Lançado em 2004, Meninas Malvadas marcou a minha geração (nascida entre o final dos anos 80 e o começo dos anos 90) e mostrou o ambiente escolar de forma cruel, porém verdadeira.

Tudo acontece quando Cady, vivida por Lindsay Lohan quando ainda era saudável, vai morar nos Estados Unidos com os pais e pisa em uma escola pela primeira vez na vida. Lá, conhece as três garotas mais populares (entre elas, nossa musa Regina George) e resolve ficar amiga delas só para descobrir os podres e depois fofocar com o restante da escola. É tão bom que a gente pode ver várias vezes. Aliás, fiquei com vontade de assistir agora!

 

A Escolha Perfeita

escolha-perfeita-02Sabia que muita gente tinha visto e gostado deste filme, mas só fui ver mesmo há alguns meses por pura curiosidade. Tirei férias em maio, fui viajar e lá só se falava da estreia da segunda parte do filme (que eu ainda não consegui ver). Gostei tanto que revi depois com a minha irmã e veria facilmente de novo de tão fofo que é.

Aqui a trama gira em torno de Beca, que entra para a faculdade por obrigação do pai, mas que na verdade queria ser DJ. Com talento para cantar, ela é chamada para fazer parte do grupo The Barden Bellas, que canta músicas acapellas (ou seja, sem instrumento e só no gogó). Até tem uma pegada meio teen, mas é um prato cheio para quem curte música pop. A gente acaba cantando junto com elas, sabe?

 

Clube dos Cinco

cena-de-clube-dos-cinco-do-diretor-john-hughes-1426024202618_956x500Foi justamente por causa de A Escolha Perfeita que eu assisti ao filme Clube dos Cinco, citado frequentemente pelos protagonistas. Clássico dos anos 80, se concentra em cinco adolescentes que precisam passar um sábado inteirinho na detenção da escola por terem se metido em diferentes problemas. Todos se odeiam no começo, mas a situação em que se encontram faz com que revelem segredos e fiquem amigos.

Achei que o filme seria totalmente revelador, mas achei um pouco entediante porque eles ficam quase que o tempo todo dentro da sala de detenção e nada de muito importante acontece. O sucesso se deve em grande parte aos personagens bem característicos, como o bad boy, a patricinha, o atleta, a esquisitona e o nerd. Sabe aquele filme que você tem que assistir pelo menos uma vez na vida? Então!

 

Nunca Fui Beijada

nunca-fui-beijada-filmeAmava tanto este filme na minha adolescência que desmarcava qualquer coisa só para assistir na Sessão da Tarde. Naquela época (e até hoje, se pararmos para pensar), a Drew Barrymore era a rainha das comédias românticas e essa é superfofa porque ela vive uma jornalista que precisa se passar por adolescente e voltar para a escola para descobrir um furo de reportagem.

Esse simples fato faz com que ela reviva seus tempos de aluna e descubra que, assim como a maioria de nós, não tem o menor talento para ser popular. Sem falar que o nome do filme não é em vão, já que ela nunca viveu um romance e agora tem a chance de conquistar vários sonhos. É tão bonitinho, gente! Esse também dá para ver com as amigas – ou até mesmo sozinha – várias e várias vezes…

 

Ela É O Cara

amanda-bynes-e-channing-tatum-em-cena-de-ela-e-o-caraJá era mais velha quando estreou por aqui. Devia ter 18/19 anos, mas parava sempre que via na TV. É uma espécie de remake de Nunca Fui Beijada, só que aqui a mocinha (interpretada pela Amanda Bynes antes dos problemas com as drogas) resolve se passar pelo irmão e entrar na faculdade enquanto ele viaja só para poder jogar no time de futebol.

O filme envolve diversas situações engraçadas e tem um motivo incrivelmente bom para você assistir agora mesmo: o colega de quarto é vivido pelo gatíssimo Channing Tatum (o Magic Mike, gente!!!) bem no comecinho da carreira. Se estiver com preguiça de baixar ou de apelar para o Netflix, experimente zapear pela TV. Vejo passando vira e mexe. Vale muito a pena!

 

Agora é só curtir as férias, preparar a pipoca e selecionar aqueles que mais gostou. E já que ninguém tem hora para acordar, que tal marcar uma festa do pijama e emendar um no outro?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.