Posts em destaque

Experiência Alice: como é a exposição?

Olá, pessoal! Já faz um tempo que nós passamos a ter um número grande de exposições aqui em São Paulo. A mais recente e que tem atraído o interesse de muita gente é a Experiência Alice, em cartaz no Shopping JK Iguatemi. O nome diz tudo: é uma homenagem (e das mais lindas) para a história Alice no País das Maravilhas, principalmente a versão animada feita pela Disney.

Eu sou maluca pelo desenho da Disney desde criança. Normalmente, os pequenos não gostam muito porque acham a história difícil, mas eu embarcava na loucura. Depois, na faculdade, tive a oportunidade de ler o livro original, escrito pelo Lewis Carroll, e aí fiquei ainda mais fã da história. Assim que soube da exposição, corri para comprar o ingresso e consegui visitar a mostra no último domingo (09).

    sem-titulo

São várias salas criadas para as cenas mais marcantes do filme. A primeira tem paredes revestidas com páginas do livro e várias versões cedidas por uma colecionada, com itens bem fofos. O destaque fica por conta da reprodução do barco onde Lewis Carroll teve a primeira ideia da história. A partir daí, você tem duas opções para seguir: andar normalmente ou entrar na toca do Coelho Branco, exatamente como no filme.

image4

image2

image3

A segunda opção, claro, é muito mais divertida porque você escorrega direto para a sala das portas com a sensação de estar caindo mesmo. É tudo muito fofo e muito fiel ao desenho e alguns espelhos ajudam a distorcer nossa imagem. Em alguns, parece que a gente fica alta ou pequena.

whatsapp-image-2016-10-09-at-17-17-02

sem-titulo

whatsapp-image-2016-10-09-at-17-17-08

Em seguida, vem a sala da corrida eleitoral (uma das partes mais doidas do filme) com mais uma proposta de interação. Tudo é feito com a participação dos visitantes: os gêmeos Tweedledee e Tweedledum só falam se você aperta um botão, o Gato Risonho aparece em pontos estratégicos de outra sala e você precisa procurá-lo. Dá até para ter a sensação de ficar grandona e com as mãos e os pés para fora da casa do Coelho Branco.

whatsapp-image-2016-10-09-at-17-17-07

whatsapp-image-2016-10-09-at-17-17-06

Mas o ponto alto é a sala do Chapeleiro Maluco, com a reprodução super bem feita da mesa do chá. Tem até fila para tirar foto, mas anda rápido. Depois, a Rainha Vermelha (ou de Copas) e suas flores brancas, que precisam ser balançadas para ficarem vermelhas. Por fim, rola uma homenagem para a versão criada pelo Tim Burton e todos os personagens estão lá.

alice-1

sem-titulo

sem-titulo

O passeio não poderia terminar diferente: em uma lojinha com produtos fofos. Estava empolgada para conferir, mas achei que tem pouca variedade. Mesmo assim, fiquei enlouquecida pelo modelo especial de Havaianas. Não tinha meu número, mas a vendedora disse que chega mais nesta semana e dá para buscar na loja do shopping.

Eu gostei muito da exposição Experiência Alice e indico para todo mundo que, assim como eu, curte o desenho da Disney. Mas recomendo não ficar com a expectativa lá em cima para não se decepcionar. O passeio é rápido, dura cerca de meia hora, e é só sobre o desenho. Não tem nada mais profundo sobre a criação da história, por exemplo.

Ah, também sugiro comprar os ingressos com antecedência porque a procura é grande e ter paciência. Tem muita criança pequena (e barulhos, choros, mães enlouquecidas) e gente fazendo mil opções de selfies em cada canto das salas. Fora isso, pode ir que vale muito a pena!

 

Experiência Alice

Até 30 de novembro

Shopping JK Iguatemi: Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2041, Itaim Bibi, São Paulo (SP)

 

Um beijo e até o próximo post!