Posts em destaque

Eu li: Um Bestseller Pra Chamar de Meu – Marian Keyes

Olá, pessoal! Já contei em outros posts sobre a minha paixão pelos livros da Marian Keyes. Até hoje, Casório é um dos meus livros favoritos da vida! Estou muito feliz em saber que finalmente terminei de ler todas as obras dela que foram lançadas aqui no Brasil. Isso porque recentemente eu li Um Bestseller Pra Chamar de Meu (o único que faltava na minha lista).

Antes de começar a resenha, é importante destacar que eu demorei MUITO para ler este livro. Ele foi lançado em 2010 e eu comprei na mesma época, mas desde então ele ficou parado na minha estante. O motivo? Bom, ele tem 742 páginas! Sempre imaginava que eu demoraria séculos para terminar de ler e…bom, a história foi bem diferente!

História do livro

Um Bestseller Pra Chamar de Meu acompanha a história de três mulheres diferentes. Gemma é uma organizadora de eventos que se vê diante de uma crise quando seu pai abandona sua mãe. Jojo é uma mulher linda e uma ótima agente literária, mas tem um caso com o chefe, que é casado. Por fim, Lily está colhendo o sucesso de seu primeiro livro, que está fazendo muito sucesso, só que não consegue escrever o segundo e acumula dívidas.

Lily e Gemma eram muito amigas no passado, até Lily roubar o namorado de Gemma e se casar com ele. A vida de Gemma vira tão de cabeça para baixo que ela resolve contar tudo, de um jeito bem divertido, por e-mails para uma amiga que mora longe. Essa amiga envia esses e-mails para Jojo, a agente literária de Lily. Vocês já imaginam o caos em que tudo isso se transforma, né?

Com todo o bom-humor dos livros da Marian Keyes, a obra mostra como encarar a vida diante das dificuldades. Elas sempre vão existir, mas cabe a você olhar as adversidades por outro ângulo ou desistir. Existem momentos engraçados e, para minha surpresa, não tem tanto dramalhão como nos outros títulos dela.

O que eu achei?

Lembram que eu achava que ia demorar para ler as mais de 700 páginas? Quando percebi, já tinha lido mais da metade. Juro, é tão intenso que você nem sente a quantidade de páginas. Na primeira parte, cada protagonista tem cerca de 50 páginas para que a gente possa se afeiçoar. Depois, as histórias se misturam e o livro fica ainda melhor!

Fiquei o tempo todo pensando qual das mulheres era a minha preferida. Achei a Lily muito chata e um pouco paranóica, mas a Gemma é divertidíssima e a Jojo também é engraçada, só que tem o problema do boy lixo ao lado. Amei o dia a dia no escritório da Jojo e na casa da mãe da Gemma. A descrição é tão perfeita que a gente consegue imaginar tudo facilmente!

No geral, eu gostei MUITO do livro. Não é o meu favorito da Marian Keyes, mas é leve, gostoso e prende muito bem! Tenho certeza de que vocês também vão gostar!

 

Alguém aí já leu? O que achou?

Um beijo e até o próximo post!