Posts em destaque

Testei: Demaquilante Bifásico 4 em 1 – Ricosti

Olá, pessoal! Vocês sabem que eu amo testar produtos e fico ainda mais contente quando posso falar sobre um item barato, pois sei que muita gente por aqui, assim como eu, está se segurando para gastar somente o necessário. E por falar nisso, quer coisa mais necessária do que demaquilante? Todo mundo sabe que dormir de make faz muito mal, então é preciso ter um produto para retirar os produtos e proteger a pele.

Quando comecei a gostar de me maquiar, há muitos anos, passava lenços umedecidos para remover os produtos. Daí conheci por acaso (acho que foi pegando emprestado da minha avó uma vez) um demaquilante bifásico de uma marca internacional e foi amor à primeira vista. Faço estoque dele em casa, mas o problema é o valor que eu preciso desembolsar quando compro (não se acha por menos de R$ 180).

Então, fiquei superfeliz quando recebi o demaquilante bifásico da Ricosti em uma das minhas caixinhas da Glambox. Primeiro porque poderia testar algo novo e, segundo, porque se o produto fosse bom, seria uma ótima alternativa. Para quem não sabe, a Ricosti é uma marca nacional bastante conhecida pelos batons líquidos, mas que está crescendo e tem tudo para se destacar no cenário da maquiagem nacional.

Como funciona?

Para quem não sabe o que é demaquilante bifásico, vou explicar. A diferença dele para versões líquidas ou em creme é que ele vem com uma fórmula que mistura uma parte líquida com outra oleosa (por isso fica mais transparente perto da tampa e azul no fundo). Ele remove a maquiagem – especialmente dos olhos – de forma suave e ainda trabalha para hidratar a região. É indicado para peles normais e eu amo muito, mas, se você tem pele oleosa, é melhor consultar seu dermatologista para saber se pode usar.

image2 (5)

O demaquilante bifásico da Ricosti tem exatamente essa proposta, mas oferece quatro benefícios em um único produto: demaquilar, limpar, tonificar e hidratar. Não sei vocês, mas eu adoro coisinhas funcionais assim, então foi mais um ponto super a favor.

Mas não para por aí (leia com aquela voz de comercial de TV). Ele conta com extrato de hamamélis para ter função adstringente, extrato de rosa mosqueta, glicerina e silicone, que proporciona maciez e toque seco.

Minha opinião

Como falei para vocês, gosto muito de demaquilante bifásico e experimentei alguns produtos brasileiros, mas não tinha me dado bem com nenhum deles. Olha só que legal: o demaquilante da Ricosti foi o que mais se aproximou da versão gringa que eu tanto amo. Ele removeu facilmente os resquícios de maquiagem, sem aquela necessidade de esfregar o algodão na pele. Com isso, não fiquei com os olhos irritados. Minha pele também reagiu muito bem!

image1 (8)

E sabe o que é mais bacana? O preço! Enquanto o outro custa uma pequena fortuna, ainda mais em tempos de crise, o demaquilante da Riscoti pode ser encontrado por cerca de R$ 20. Sabe aquele produto bom, bonito e barato? Pois é! J

 

E vocês, já conheciam este demaquilante bifásico? O que acharam?

Um beijo e até o próximo post!

Testei: Pó Compacto Soft Light Renata Meins – Arela Make Up

Olá, pessoal! Quem me acompanha lá no canal (não é inscrito ainda? Clique aqui e ative as notificações para não perder nenhum vídeo) sabe que eu estou fazendo um curso de maquiagem online com a Renata Meins, maquiadora e youtuber cheia dos paranauê da beleza, como ela costuma brincar.

Esse curso tem sido incrível, estou aprendendo a conhecer melhor meu formato de rosto e a minha beleza, mas também tenho aproveitado para aprender alguns truques para me maquiar melhor. Um dos principais problemas que eu enfrento todos os dias é a olheira. Pois é, ganhei esse “presentão” de herança de pai e mãe e ainda durmo pouco, ou seja, já estou acostumada com as manchas arroxeadas embaixo dos olhos.

Aprendi diversos truques para esconder as olheiras, mas fiquei bem curiosa para testar o pó compacto Soft Light, que a Renata lançou com a Arela Make Up. Segundo a própria Rê, a ideia é selar o corretivo e dar uma aparência mais saudável para o rosto. Aproveitei que os alunos do curso ganharam um descontinho para comprar produtos da linha e garanti o meu!

Como funciona?

A Rê postou um vídeo há um tempinho explicando o passo a passo do produto, mas a intenção é ajudar na preparação da pele e tirar aquela aparência marcada que a gente acaba deixando quando passa corretivo nas olheiras. Ela contou que o produto vem com fórmula bastante similar a um pó que a M.A.C. lançou em uma edição limitada e que causou o maior burburinho.

image3 (2)

O primeiro passo é lavar bem a pele para retirar qualquer impureza e deixar essa região embaixo dos olhos, que é uma das mais sensíveis do rosto, bastante hidratada. Depois, é importante aplicar um corretivo na cor salmão, que é o mais indicado para quem tem olheiras arroxeadas, e um sérum. Depois, vale usar um corretivo por cima do salmão, só que mais próximo do seu tom de pele, assim você consegue deixar um aspecto mais natural e sem aquela aparência esbranquiçada.

image2 (4)

Agora vem a parte do segredo: aplicar o pó compacto por cima de toda essa área. O ideal é usar uma esponja e fazer tudo de maneira bem leve e suave para cobrir a olheira de maneira uniforme. Parece um detalhe, mas faz toda a diferença!

Minha opinião

Como falei antes, já testei tudo que vocês podem imaginar para amenizar minhas olheiras. Por mais que algumas técnicas até dessem certo, sentia que dava para deixar o rosto ainda mais natural. E, olha, o resultado que eu consegui com o pó foi o melhor que eu já vi até agora. Realmente, a olheira praticamente sumiu e a pele ficou com uma aparência bem mais saudável.

image1 (7)

Comprei o pó rosado Soft Light no site da Arela por cerca de R$ 35, mas tive um desconto por ser aluna do curso da Renata. Parece que o produto esgota rapidinho quando tem reposição, então é bom ficar de olho. Eu recomendo demais, foi realmente um milagre na minha vida.

 

E vocês, já conhecem o pó Soft Light?

Um beijo e até o próximo post!

Testei: Esponja de silicone para maquiagem

Olá, pessoal! Quem é ligada em beleza e maquiagem sabe que o ano começou com uma novidade daquelas: a esponja de silicone. Pois é, aprendemos a usar esponjas redondinhas, depois nos apaixonamos pelas beauty blenders (as esponjas mais durinhas em formato de gota) e agora estamos de queixo caído pelas de silicone.

Confesso que a primeira sensação que eu tive foi de estranhamento, mas vi algumas resenhas superpositivas e a curiosidade falou mais alto. Então, resolvi testar. Comecei procurando em sites gringos, mas, pelo preço, achei que valia mais a pena comprar por aqui. Acabei achando no Mercado Livre e testei poucos dias depois que chegou. Fiquei tão contente com o resultado que decidi gravar um vídeo para compartilhar minhas opiniões com vocês:

A esponja de silicone é indicada para aplicar qualquer produto que seja líquido ou cremoso. Nessa lista, entram base, corretivo, blush, iluminador e por aí vai. O grande diferencial dela, pelo menos para mim, é o fato de não absorver NADA de produto. A gente sabe que as outras esponjas acabam “sugando” um pouco do produto, mas esta daqui me surpreendeu demais. É até estranho e eu precisei dosar mais na quantidade para não desperdiçar produto e acabar manchando o rosto.

Em relação à aplicação, também achei que facilita bastante. Às vezes, a gente acaba fazendo um pouco mais de força para espalhar o produto (até porque eu fico com dó de pegar mais quantidade e acabar logo rs) e isso pode deixar a pele mais sensível e até comprometer o resultado final da make. Com a esponja de silicone, é só dar umas leves batidinhas que você já sente o produto aderindo à pele.

image2 (2)

Agora vem a melhor parte: a limpeza. Sinceramente, morro de preguiça de lavar minhas esponjas. E mesmo lavando, eles sempre ficam com um restinho de produto. Aí entra a vantagem do silicone: é só jogar um pouco de água que a esponja fica novinha, como se nunca tivesse sido usada. É realmente prático e maravilhoso!

Como falei lá em cima, comprei minhas esponjas (pedi logo duas porque já sabia que o negócio era bom rs) no Mercado Livre e paguei R$ 28 em cada uma. Se você procurar por “esponja silicone maquiagem” no site vai ver que existem vários modelos com diversos preços. É só buscar um vendedor que seja qualificado e pronto. Juro, vale cada centavinho!

 

E vocês, já testaram a esponja de silicone? O que acharam? Deixem nos comentários que estou curiosa para saber! 🙂

Um beijo e até o próximo post!

Avaliação: ♥♥♥♥♥

11 itens básicos para levar na sua bolsa

Olá, pessoal! Existe algo presente na vida de qualquer mulher, seja qual for o estilo e a rotina de vida: a bolsa. Você pode usar uma bolsa pequena, grande ou até mesmo uma mochila. Mas dificilmente sairá por aí sem levar algo a tiracolo. É que, convenhamos, são tantas coisas para carregar que a gente até sente uma pontinha de inveja dos homens, que jogam tudo – e esse tudo se resume a carteira, celular, chaves e olhe lá – nos bolsos e pronto.

f90b7321c723d747e5b11739bee80163

Mas, afinal, que tanto a gente tem para levar na bolsa? Eu brinco que levo minha vida na bolsa e passo a semana toda com uma enorme, onde coloco até livro, roupa da academia e o que mais precisar. Mas isso não é bom, já que carregar peso faz mal para a postura e para várias regiões do corpo (minha coluna e meus ombros que o digam). Por isso, não sigam o meu exemplo, ok?

(Quer saber o que eu levo na minha bolsa? Clique aqui para ver) 

Para facilitar, preparei uma listinha com itens indispensáveis em qualquer bolsa feminina. Parece bastante, mas faz uma diferença e tanto no seu dia a dia. Quer ver só?

Carteira

É o mais importante de todos. Mesmo que seja pequena, você vai precisar de um espaço para guardar documentos (nada de sair por aí sem eles, ok?), cartões, carteirinha do plano de saúde (se tiver) e dinheiro. Básico, vai? E, olha, mesmo que a sua escolha seja uma bolsa menor para sair no finde, é fundamental levar ao menos RG, dinheiro, cartão de débito e o que mais precisar.

Celular

Em tempos de smartphones, quem consegue fazer alguma coisa sem ter o celular por perto? Fora que é uma questão de segurança e praticidade, já que facilita para encontrar as amigas ou o boy no local que vocês escolheram para se encontrar, além de avisar alguém caso algo aconteça. E, olha, mais importante ainda é levar um carregador ou bateria extra. Afinal, ninguém merece ficar incomunicável!

Chaves

Não tem nada pior do que chegar em casa e ficar trancada do lado de fora. Só quem já passou por isso sabe da sensação de desespero e de burrice própria por não ter levado a chave. Pois bem, outro item obrigatório em qualquer bolsa. E se você dirige, já sabe que a chave do carro também fará parte da sua bolsa. Dica esperta: aproveite os compartimentos internos para guardá-las e use chaveiros fofinhos para facilitar a localização.

Guarda-chuva

E quando cai aquela chuva inesperada, você está na rua e de repente se lembra de que não tem um guarda-chuva? Nada disso aconteceria se você tivesse o item dentro da bolsa. Eu sou precavida e prefiro andar com um pequeno, até porque eu moro em São Paulo e aqui o tempo é uma loucura, já que pode fazer muito frio e muito calor em diferença de horas. O mais legal é que você pode escolher um colorido, estampado, ou seja, que tenha tudo a ver com o seu estilo.

Remédios

Ok, confesso: sou um pouco hipocondríaca. Não que eu saia por aí tomando mil remédios a cada cinco minutos, mas eu gosto de ter uma bolsinha onde coloco algumas medicações que resolvem algumas dores cotidianas que eu tenho de vez em quando (entenda como dores de cabeça, cólica, enjoo, dor no estômago). Às vezes a gente sente essas dores e não vê a hora de tomar algo para ver se melhora. Essa minha bolsinha também já salvou várias amigas minhas que estavam mal. Só vale uma recomendação: automedicação é MUITO perigoso! Se estiver mal de verdade e sentindo algo estranho, procure imediatamente um médico, ok?

Bolsa com absorventes

Outra situação a qual todas nós estamos sujeitas: a menstruação inesperada. Ai gente, que desespero que dá quando isso acontece. E quando a amiga não tem um absorvente para emprestar e você é capaz de vender sua alma só para encontrar uma farmácia? Para não passar por isso, leve alguns dentro de uma bolsinha. Simples e fácil!

Nécessaire de make

Aqui depende muito do que você gosta de usar. Se você não gosta de maquiagem, leve pelo menos um batom para dar aquele up depois do almoço ou para retocar no meio de algum evento. Para nós, amantes do mundo da make, eu recomendo um lápis, um rímel, um blush e um corretivo, além do batom. Muitas vezes, tenho preguiça de levar esses itens na bolsa, aí surge um convite inesperado e me sinto mal por sair de cara lavada. Falei mais sobre o que levar na nécessaire de make neste vídeo.

Lenços de papel

Servem para tudo, não é mesmo? Desde ajudar quando estamos gripadas até limpar uma sujeirinha aqui ou ali. São várias finalidades que parecem bobas, mas que podem surgir a qualquer momento – e você faria de tudo só para ter um lencinho por perto. Vale muito a pena!

Álcool gel

Uma questão de higiene e saúde. Mãos limpas são a primeira recomendação para quem quer fugir de qualquer doença. Só que nem sempre tem uma pia por perto, daí a importância do álcool gel. Ah, prefira os pequenos (quase como amostrinhas), cheirosinhos e coloridos!

Desodorante

Tem coisa mais nojenta e desagradável do que ficar ao lado de uma pessoa que está com o desodorante vencido? Eu tenho pavor, parece que o cheiro gruda em mim! Tem gente que transpira mais mesmo, então vale andar com uma versão menor do seu desodorante dentro da bolsa. E mesmo que você não seja do tipo que transpira muito, pense que essas coisas podem acontecer e que incomoda aos outros. Fundamental, ok?

Perfume

Por falar em cheiro, quem não ama ficar cheirosa? Aqui também vale levar versões pequenas ou amostras daquele perfume que você ama (cujo cheiro já virou meio que uma marca registrada sua) e que vai te salvar na hora daquele convite inesperado para fazer um programa.

 

Gostaram do post? O que mais vocês costumam levar na bolsa?

Um beijo e até o próximo post!

Fotos: Pinterest

Como usar Greenery, a cor de 2017 segundo a Pantone

Olá, pessoal! A Pantone anunciou nesta semana a cor de 2017. Trata-se do Greenery, um verde aberto com toques de verde-musgo. Pode até parecer que esse fato não tem importância, mas os tons escolhidos pela Pantone influenciam todos os campos, desde a beleza, passando pela decoração, até chegar na moda. Ou seja, você vai ver muita coisa verde a partir de agora.

9cf719fbcc76bfec6d39cb8c304c7be8

Para chegar ao tom, a empresa (que é referência em padrões de cores) misturou um verde bem escuro com amarelo. A decisão pegou muita gente de surpresa, já que é totalmente diferente dos padrões escolhidos nos últimos anos – Marsala em 2015 e Rosa Quartzo/Azul Serenity em 2016 –, mas levou em conta a situação atual do mundo.

O verde simboliza a esperança e o contato com a natureza. Segundo a própria Pantone, é um tom que significa regenerar, refrescar, revitalizar e renovar. Portanto, é um novo ciclo e a chance de olhar para frente. Legal, né?

Moda

Antes de ser escolhido como o tom de 2017, o Greenery já tinha aparecido em alguns dos principais desfiles de moda ao redor do mundo. Grifes como Emilio Pucci, Balenciaga e Michael Kors apostaram no verde combinado com azul, amarelo e estampas florais.

ff9d27ee078e017a36fa1f4bf44ebf8f

O mais bacana da cor é que pode ser usada tanto nas estações mais quentes quanto no frio. Mas vale lembrar que chama bastante atenção, por isso, uma boa dica é combinar com cores neutras (com preto ou branco fica lindo) no ambiente de trabalho. Quer algo mais elaborado? Tente looks com rosa, laranja e o próprio amarelo.

7273bd9589bab126732ea6a606beea45 cadcb01ba6634eaec7afa79aa6aef632

c00c7e75472a71b22b6707d3e084edb4 b1dcf5eb566e598b4f9dca9ae288b5db

Para as mais discretas, a melhor opção é começar com acessórios verdes. Já pensou em sair com uma bolsa ou um sapato Greenery? Fica bem diferente e estiloso.

Maquiagem

Pois é, aqui eu fiquei em dúvida. Sempre gostei de verde, acho que a cor tem um astral mesmo muito positivo, mas a ideia de fazer um make puxado para esse tom me deixou um pouco apreensiva. Mas olha só que interessante: a sombra verde é uma das mais indicadas para valorizar olhos castanhos!

14fb72a537640dd5cbea05ef6fc2afb3 aa537836d3ef1ca32ba0ff7deec97342

e050219cdec13e88277d713d7a88e350 174ef966267195c0276e5bfe7a3fde6f

 

E quem tem olhos claros, como eu? A saída é escolher um tom mais suave e combinar com outra sombra mais puxada para o marrom. Ou então com o roxo, que é a cor mais indicada para quem tem olhos verdes (fica tão lindo, gente, amei o resultado!).

Vale até passar uma linha fininha de sombra ou usar delineador verde na pálpebra inferior para iluminar e acender o olhar. Não é que eu comecei a gostar da ideia?

Unhas

Estranho pensar em pintar as unhas de verde, né? Lembro de ter passado pouquíssimas vezes na vida. Mas enquanto pesquisava algumas opções para esse post, vi alguns esmaltes verdes com toque metálico e fiquei apaixonada.

308eb36261d75688323e9847c0fccc18 ff71de81074ffbc7b779f56ed994efa8

Também existes algumas variações bem legais. Os mais escuros passam um ar mais sóbrio e de seriedade, enquanto os clarinhos são ideias para curtir os dias quentes do verão.

 

E aí, prontas para entrar no mundo do verde? No início, eu não gostei muito, mas agora estou me acostumando com a ideia e passando a gostar!

Um beijo e até o próximo post!