Posts em destaque

5 shows do Rock in Rio que você não pode perder

Olá, pessoal! Quem aí curte festivais de música? Tem gente que gosta tanto que planeja os looks com antecedência, já que esses locais também viraram uma espécie de ponto da moda. Eu vou ser sincera: gosto porque adoro shows e a possibilidade de ver vários dos artistas que eu gosto de uma só vez. Tenho sorte de morar em São Paulo, parada obrigatória de qualquer músico que vem ao Brasil, mas mesmo assim eu sou doida pelo Rock in Rio.

Na minha humilde opinião, o Rock in Rio tem o melhor line-up de festivais de música do Brasil e consegue a façanha de trazer algumas atrações exclusivamente para o festival, ou seja, não tem nem chance delas tocarem em outra cidade que não seja o Rio de Janeiro. E pra quem gosta de música pop, é um prato cheio. Fui pela primeira vez em 2001 (tinha 12 anos rs) e fui de novo em 2013. Todo ano eu reclamo que é muito cheio e muito caro, mas fico morrendo de vontade de estar lá.

Se você pensa como eu, preparei um guia de shows que você não pode perder, mesmo que seja pela TV. A edição de 2017 começa nesta sexta-feira (15) e vai até o dia 24. Olha só o que eu separei de legal:

Lady Gaga

SATURDAY NIGHT LIVE -- "Tom Hanks" Episode 1708 -- Pictured: Musical guest Lady Gaga performs on October 22, 2016 -- (Photo by: Will Heath/NBC/NBCU Photo Bank via Getty Images)

Já faz um tempo que uma das maiores vozes do pop não passava por aqui né? A mother monster, como é conhecida pelos fãs, é a atração principal da primeira noite do Rock in Rio e chega com a turnê do álbum Joanne, lançado em 2016. Este trabalho é mais introspectivo e, segundo a própria cantora, bem diferente do que ela fazia quando surgiu, há oito anos. Mesmo assim, teremos espaço na apresentação para alguns hits que se tornaram clássicos, como Poker Face, Born This Way, The Edge Of Glory e Bad Romance.

Quando: 15 de setembro

Maroon 5

Maroon5_EventImage

Ao contrário da Lady Gaga, faz pouquíssimo tempo que o Maroon 5 passou por aqui. O último show da banda foi em março de 2016, ou seja, há pouco mais de 1 ano. Eles também já passaram pelo Rock in Rio em 2011 e eu lembro que foi um dos melhores shows daquela noite. É aquela coisa: quem já viu, não se cansa de ver novo. A gente pula e canta junto todos os refrões que já estão na ponta da língua e suspira sem parar pelo Adam Levine, que além de lindo, tem muita presença de palco.

Quando: 16 de setembro

Shawn Mendes

 

Este é o show que eu mais quero ver (sim, me julguem). Tenho um carinho especial pelo menino Shawn desde que ele lançou a música Stitches, que encaixou perfeitamente com a minha vida na época. Desde então, sou viciada em praticamente todas as músicas dele que tocam na rádio, mais recentemente There’s Nothing Holding Me Back, que eu já consigo ver como um dos pontos altos do show. Fora que ele é uma gracinha, né?

Quando: 16 de setembro

Justin Timberlake

gettyimages-531284120-3e092dc7-973f-4288-8c71-3b634be12f8f

Lembram quando eu disse que fui no Rock in Rio duas vezes? Bom, nas duas vezes eu vi o Justin Timberlake: em 2001, com o ‘NSync (boyband sucesso total dos anos 90/2000), e em 2013, no auge do CD The 20/20 Experience. Confesso que eu acabei indo desta segunda vez porque era um dos poucos dias que ainda tinha ingresso, mas acabei surpreendida com o show. É tão maravilhoso, gente! As músicas são animadas, a banda de apoio é SENSACIONAL e ele interage o tempo todo. Espero que o deste ano seja tão legal como o que eu fui!

The Who

the-who-founding-members-roger-daltrey-and-pete-townshend-825x524

É a atração mais aguardada deste ano no Rock in Rio e com razão porque The Who é uma das maiores bandas de todos os tempos. Eu não gosto e não tenho muito costume de ouvir, mas não dá para negar a influência que eles deixaram para a música desde então. Sabe aqueles shows que fazem história? Este aqui vai ser assim. Mesmo que você também não curta, senta no sofá e deixa a TV ligada porque promete.

 

E você, qual show do Rock in Rio quer assistir?

Um beijo e até o próximo post!

As 9 tendências que você usou muito neste inverno

Olá, pessoal! Não sei vocês, mas chega setembro e eu já fico louca com o início da primavera. Acho uma época muito gostosa de fim de ano e ainda não está tão calor, mas o que me faz realmente amar essa estação é a moda mais colorida e alegre. A gente pode até ficar mais elegante no inverno, mas eu adoro roupas coloridas, então já viu né?

Mas antes de falar para vocês do que vai bombar daqui para frente, quis aproveitar que o inverno está com os dias contados e fazer a nossa tradicional retrospectiva das peças que foram tendência nesta temporada. Listei as principais e tenho certeza absoluta de que você aderiu a pelo menos uma delas. Vamos apostar?

Bota de cano curto

05f14d237f93ff2df624fcf8bbe9eef1 (1)

Sempre fui a doida da bota de cano alto, mas sabe que eu nem olhei para elas neste ano? Vamos combinar que as lojas nem trouxeram muitas novidades nesse quesito. As rainhas foram as botas de cano curto mesmo, com salto quadrado médio. O destaque vai para três modelinhos que moraram no seu coração: a vermelha (envernizada ou de veludo), a branca (paquita feelings, baby) e metalizada com muito glitter. Eu cismei que era feio, mas comprei a vermelha de veludo na promoção. Por falar nisso, encontrei aqui ótimas opções de botas, vem ver!

Parka

6c33cf44955e1691d36c1e3fbc9875bc

A gente tem vivido um movimento de resgatar os anos 90 e eu estou amando, afinal, foi a década da minha infância e tem gostinho de nostalgia. No mundo da moda, a parka veio para relembrar aquela vibe grunge, principalmente se combinada com uma camisa xadrez e com um gorrinho. Difícil mesmo era entrar em uma loja e não ter vontade de comprar todas as opções. Eu comprei uma há alguns anos, mas juro que fiquei muito tentada a comprar uma mais compridinha, de cor diferente, porque já virou um item básico. Quem sabe realizo essa vontade no ano que vem.

Veludo

cc56023b5c80ad7884a4158fb70456cd

O veludo já vinha ensaiando uma volta e chegou a ser destaque no inverno passado, mas neste aqui ele reinou absoluto. A gente viu o material em TODAS as peças do vestuário e em diversas cores, sendo que as principais eram azul, vermelho, verde e rosa. E o que dizer do veludo molhado? No começo a gente estranhou, mas depois morreu de amores. Eu gosto muito desse tecido, acho que tem tudo a ver com inverno e deixa qualquer produção elegante. Posso estar muito errada, mas acredito que ele ainda vai continuar fazendo sucesso.

Meia arrastão

f55a31c8af9ccb7099c4b183ece46484

Até este ano, a gente só via meia arrastão em fantasia ou nos filmes. Mas essa moda é mesmo muito curiosa, não é mesmo? Quem diria que a gente ia cair de amores pela meia que deu um toque todo especial para looks com pegada street style. A primeira vez que vi uma meia arrastão por baixo de uma calça jeans destroyed, achei estranho demais. Mas depois a gente foi aceitando e eu recentemente tenho AMADO a meia arrastão soquete combinada com bota curtinha. Não fica fofo?

Rosa Millennial

b789c2c4e6331fa865d1fde867366dac

 

A cor que fez a gente suspirar e deixou nosso inverno mais doce e romântico. O rosa millennial, bem clarinho e quase branco, fez tanto sucesso que a gente nem lembra mais que a cor escolhida para 2017 pela Pantone foi o Greenery, um verde bem aberto (você lembrava?). Quem bombou mesmo foi essa tonalidade mais clarinha, que a gente viu em casacos, blusas, calças, bolsas, sapatos e por aí vai. Por mim, poderia durar para sempre. Um charme essa cor, não é mesmo?

Jaqueta bomber

621d04dc3654b9dc0af7befdfb3b4f52

Outra peça que a gente cansou de ver durante estes últimos meses, né? As bombers vira e mexe entravam nas tendências de inverno, mas eu nunca dei muita bola. Até que chegou esta temporada e começaram a aparecer uns modelos com flores bordadas, combinações de cores incríveis e eu percebi que era algo que fazia toda a diferença no look. Ensaiei muito antes de comprar por causa do preço, até que me deu a louca um dia e eu comprei uma vermelha e dourada que já está grudada em mim de tanto que uso. E você, quer uma jaqueta também? Clique aqui para conferir modelos lindos!

Casaco de pelúcia

3ed91c398d0b2f62e4613c6693a671b9

Há alguns anos, tudo que a gente queria era o colete de pelo, lembram? Pois bem, a febre da vez foi o casaco todo peludo, que chegou com a proposta de deixar o visual mais descontraído. Vi muito casaco com pelos brancos ou tingidos de rosa (adivinhem?) millennial, mas essa é uma tendência que não me agradou. O ideal é usá-lo por cima de blusas com calças jeans mais sequinhas. Vejo algumas fotos de inspiração e até curto, só que definitivamente não combina com o meu estilo. E vocês, o que acham?

Puffer jackets

O nome é estranho, mas você já viu – ou até mesmo já usou – esse casaco na academia ou em viagens para locais muito frios. As puffer jackets nada mais são do que aquelas jaquetas acolchoadas com costura na vertical e horizontal, formando vários quadradinhos. É mais uma opção para incrementar os looks do dia a dia e eu gosto, viu? Não é algo que use com frequência, mas acho que fica descolado. E o melhor de tudo é que esse casaco esquenta bastante.

Mule

f8b3d2953b738d0fdd901f427da37ecd

Fala a verdade: você também olhou para esse sapato bicudo com o calcanhar inteiro à mostra e um salto bem baixinho e pensou que era algo de vó. Não é feio em um primeiro momento? O mule também ensaiava uma volta bem tímida e quando veio desta vez, eu tinha certeza absoluta que, mais uma vez, não ia vingar. Mas a verdade foi o contrário: o sapato pegou, caiu no gosto das fashionistas e, de repente, todo mundo começou a usar. Vou ser sincera, gente, continuo achando feio, mas tudo pode mudar, não é mesmo?

 

E você, lembra de outra tendência que usou bastante neste inverno?

Um beijo e até o próximo post!

Os 6 modelos de calça que você precisa ter no armário

Olá, pessoal! A calça é um elemento tão presente na moda feminina que a gente até custa a acreditar que esse item só começou a fazer parte do vestuário das mulheres na virada do século 20 e apenas como um uniforme industrial. Atualmente, são tantos modelos que a gente fica até perdida sobre qual usar. Pois bem, para acabar com todas as dúvidas, preparei um guia sobre as variações que você PRECISA ter no seu guarda-roupa. Vamos conferir?

Jeans

c878b0bb4ef94006ee28901c109fc8a8

Não tem como começar sem falar da calça jeans, a peça mais democrática que você pode ter no seu armário. Dá para usar com tudo, compor diversos estilos de look e, se você cuidar direitinho, pode ter a mesma calça por vários e vários anos, já que ela é muito resistente. O mais bacana é que dá para ter opções com lavagens e cortes diferentes. Tudo vai depender do seu gosto. Aproveita e vem ver essas opções que me deixaram babando!

Couro

13435fd54ebb72ef7ee81be3017ea2a0

Eu sei que não é todo mundo que gosta, mas a calça de couro é muito bacana porque além de nos manter quentinhas, é superestilosa e compõe looks cheios de atitude. Dá pra usar com moletom e tênis, como neste caso aqui da foto, e criar algo com uma pegada mais rocker, ou então combinar com um tricô e um salto alto para ter um resultado mais chique e elegante. Ah, existem versões flare da calça de couro, mas eu gosto desta aqui, mais sequinha.

Legging

8360779ec723512c48722b7bed16c8d9

Se você pensava que a legging era de uso obrigatório apenas na academia, está na hora de rever seus conceitos, amiga! Isso porque a moda esporte tem invadido cada vez mais os looks urbanos e ela se tornou uma peça muito usada para criar um visual mais relax e confortável. Dá para usar com tênis ou sapatilha, mas lembre sempre de usar com uma blusa ou casaco mais comprido porque, afinal, é uma calça bem justa. Veja aqui outras opções para se inspirar!

Alfaiataria

c46f3981b3e905a651d2c51bfb5c27db

Aquela calça social que não precisa ser usada apenas no escritório. Sim, a famosa calça de alfaiataria é uma aliada e tanto para criar produções mais descoladinhas, ainda mais se usadas com um oxford. O bacana é que também tem opções mais soltinhas ou mais durinhas, como as de sarja. Quanto às cores, recomendo a preta, que vai com tudo!

Pantacourt

5ead5a6a25861f197a4c05581f06edb6

Você provavelmente achou bem estranha essa calça molinha que para na altura da canela. Eu também achei e demorei muito, mas muito mesmo, para entender como ela pode ser bem chique. Olha só como um saltão e uma camisa ficam ótimos com a pantacourt? Eu gosto e acho superestilosa.

Pantalona

cc01aba175a552ec97d39fbef5829bdc

Mais uma que eu tenho certeza que você olhou em um primeiro momento e torceu a cara. É que a pantalona, com suas barras compridonas, ficou bem marcada lá nos anos 1970, e pode não parecer tão atual. Mas ela está super em alta e dá todo um poder para o look. O único porém é que tem que usar com salto para deixar as pernas bem longas. Vale o sacrifício, né?

 

E você, qual modelo de calça gosta mais?

Um beijo e até o próximo post!

Testei: Pigmento nº 2 Vult – Recebidos Netfarma

Olá, pessoal! Começo este post com uma pergunta: você sabe qual a função do pigmento na maquiagem? Diferente do glitter, o pigmento é como se fosse uma sombra, então traz o brilho junto e não solto. Ele é usado para intensificar a sombra e pode ser da mesma cor ou outra, criando um efeito diferente no olhar.

Adoro brilho desde que entendo por gente e estava doida atrás de um pigmento porque eu só costumava usar glitter e sempre sofria com os pontinhos que insistem em cair no rosto. Pesquisei e encontrei o Pigmento nº 2 da Vult no site da Netfarma e fiquei tão encantada que não via a hora de testar e mostrar para vocês.

IMG_7954

O pigmento da Vult é altamente concentrado e promove brilho e intensidade da cor de forma instantânea. O mais bacana de tudo é que a embalagem acompanha um dosador bem prático que evita o desperdício de produto. Isso sem falar que a cor dura horas e horas, ou seja, uma maravilha!

Minha opinião

Achei o pigmento bem melhor que o glitter, gente! Muito mais fácil para aplicar, não precisa de nenhum tipo de proteção antes e, mesmo assim, fica bem concentrado na área aplicada. Não tem aquele sofrimento de passar mil vezes o demaquilante e continuar com alguns pontinhos brilhantes no rosto.

IMG_8056

Na maquiagem que eu fiz para o canal, apliquei o pigmento nos cantos internos do olho e percebi que fez toda a diferença, deu um toque sofisticado e valorizou meus olhos. Fora que a cor (um cinza escuro, quase prateado) combinou e pode ser usada com vários tons de sombra.

Você encontra o Pigmento Nº 2 da Vult no site da Netfarma por um preço especial. Ah, se estiver em busca de outra cor, é só navegar lá que você encontra. Aproveita para clicar aqui e entrar na minha lojinha dentro da Netfarma, tem 5% de desconto em compras acima de R$ 129,99 usando o cupom FIKDIK5OFF.

 

E você, já usou esse pigmento?

Um beijo e até o próximo post!

Home_Fik_Dik

Você conhece todos os modelos de vestido que existem?

Olá, pessoal! Quem me conhece, sabe que costumo ser mais básica no dia a dia e aposto muito na dupla camiseta + calça jeans, mas a minha peça favorita de moda, sem dúvida, é o vestido. Sou apaixonada, tenho milhares em casa e sofro quando preciso me desfazer de algum pra poder colocar outro no armário (sim, sou dessas!). Minha piração é o modelo curto estampado, mas a diversidade de vestidos vai muito além disso. Quer ver? Separei uma lista com algumas das opções que você encontra por aí, mas antes dá uma olhada nessa seleção que eu fiz com modelos incríveis para te inspirar!

Cocktail dress

 

335e71ac3c1c68d30c5386b36214bae3

Ideal para aquela festa social que não exige traje social completo, ou seja, não pede vestidos longos. Nessa categoria, entram jantares, eventos ou até mesmo um casamento durante o dia. O vestido tipo cocktail é arrumadinho, pode ou não ter a cintura marcada e é curto, parando acima dos joelhos. Fica lindo com sapatos altos, como estes aqui da foto, e uma bolsa tipo clutch. Só tome cuidado para não ficar curto demais e cair na vulgaridade, ok?

Envelope

bf480b4787841410a7e7753c8c5508ad

Chique e elegante, o envelope é um tipo de vestido aberto na frente que é transpassado por dentro, sendo normalmente fechado com uma tira (larga ou fininha) em volta da cintura. É um modelo bastante versátil, que cai bem em praticamente todos os tipos de corpos e combina com qualquer ocasião. O que muda é o tecido e o comprimento. Este estampadinho aqui da foto é ótimo para um passeio no shopping ou para aquele barzinho com as amigas. Se quiser usar o vestido envelope para uma festa, prefira um modelo liso na altura dos joelhos ou, dependendo do traje, longo.

Chemise

5be47ea2176a8a6536efaf66d3732a43

O nome pomposo nada mais é do que aquele vestido que mais parece um camisetão ou uma túnica. Ele é bem informal e ótimo para compor looks para aqueles dias quentes de verão. Vale para os momentos livres no fim de semana ou até mesmo para passeios em viagens. Ah, e se quiser dar uma bossa no visual, a dica é colocar um cinto para marcar a cintura. Que tal?

Ladylike

63798658eee5803b41d94065006588c1

Ai como eu amo! De longe, é o meu estilo favorito de vestido. Romântico, delicado e muito feminino, tem como características as cores claras, a cintura bem marcada e a saia em formato evasê, bem rodada. Pode também trazer alguns detalhes, como renda e estampas florais. O mais legal é que dá para usar com sapatilha, mas você pode seguir o truque da Thassia aqui em cima e colocar um sapato alto nude para alongar as pernas.

Sereia

4defe808e4e8197617d0d9249adf93ec

Este aqui, sem dúvida, é o modelo mais sexy entre os vestidos. Ele tem esse nome por ser bem justo, especialmente da cintura para baixo, como se fosse a cauda de uma sereia. Justamente por causa disso, valoriza as curvas e pode não ficar tão confortável para quem tem bastante quadril ou bumbum (mas claro que tudo depende do seu gosto e do que você sentir vontade de usar, não é mesmo?). Normalmente, os vestidos do tipo sereia são longos e ideias para casamentos e formaturas.

Tubinho

c4ac99ff2da0c30de6e3823112e81ab4

 

O tubinho é aquele clássico que a gente tem que no armário, especialmente se for preto. Nesse modelo, a modelagem é bem ajustada e normalmente para acima dos joelhos. A versão mais conhecida é a sem mangas, mas também dá para arrasar no look com opções de mangas curtas, compridas ou, ainda, cheia de brilho como este aqui de cima. Estou babando nessas opções aqui, vem ver!

 

E você, qual modelo de vestido gosta mais?

Um beijo e até o próximo post!