Posts em destaque

Eu li: O Navio das Noivas – Jojo Moyes

Olá, pessoal! Bora para mais uma resenha de livro por aqui? Bom, já contei que sou muito fã da Jojo Moyes, né? Ela é uma das minhas autoras favoritas da vida, já li vários livros dela e sempre compro quando lançam algo novo dela. Meu favorito, como já é de se imaginar, é Como Eu Era Antes de Você (sim, aquele que virou filme há alguns anos e que fez muita gente chorar).

Para aproveitar o sucesso que a Jojo Moyes estava fazendo aqui, resolveram lançar os primeiros livros que ela escreveu assim, todos de uma vez. Fui comprando, comprando, até que tinha uma pilha de obras dela e tive que fazer uma fila. Para resumir: minha mãe me deu o livro O Navio das Noivas no Natal de 2016, há pouco mais de dois anos, e eu só fui ler agora. Sério, fiz questão de olhar a data do selo de troca e lá estava: dezembro de 2016.

Eu resolvi ler os livros que estavam empilhados aqui em casa antes de comprar novos e não sei muito bem por que escolhi este agora, mas ainda bem que fiz isso. Chegou a hora de contar tudo para vocês!

História do livro

Quem já leu os livros da Jojo Moyes sabe que ela curte um drama, né? Mas, desta vez, ela se inspirou em um fato que aconteceu com a sua própria avó. O Navio das Noivas é baseado na história de mulheres australianas (esposas de militares britânicos). Elas embarcam em uma viagem de seis semanas para viverem ao lado de seus maridos. Isso tudo aconteceu em 1946, após o término da Segunda Guerra Mundial.

Ao todo, mais de 600 esposas embarcaram na vida real no porta-aviões Victorius. Mas a Jojo Moyes criou quatro mulheres bem diferentes para protagonizar essa história. Margaret vivia em uma fazenda com os pais e os irmãos e está grávida do primeiro filho. Avice é uma dama da alta sociedade e não vê a hora de encontrar o marido. Jean é uma adolescente cheia de sonhos, enquanto Frances é enfermeira e mais fechada.

Ao longo de seis semanas, essas mulheres convivem em uma minúscula cabine e aprendem a se respeitar e compartilhar sonhos, medos e a busca por amor e uma vida nova. Elas também precisam lidar com o machismo e a luta por igualdade de gênero.

Minha opinião

Já li outros dos primeiros livros que a Jojo Moyes escreveu e não achei que eram assim tão bons. Eu também acho um pouco cansativo filmes e livros de guerra, então, achava que não ia gostar deste aqui. De fato, a história tem um ritmo mais parado, já que funciona como um diário de bordo ao longo da viagem. Acabei demorando mais do que queria para terminar, às vezes porque sentia que nada acontecia.

Ao mesmo tempo, em poucas páginas já estamos próximas das personagens. Já temos as nossas favoritas e as que são chatas. Toda hora pensava que as histórias delas eram reais e me imaginava ali dentro, daquele navio, pronta para viver uma vida nova. E como a autora é muito sábia, ela faz uma introdução das mais interessantes. A história começa décadas depois, em 2002, com uma das protagonistas já avó. Não fala qual delas é, então eu ficava o tempo todo pensando quem seria.

Os capítulos finais são de tirar o fôlego. Juro, se demorei para entrar no ritmo da narrativa, simplesmente não consegui parar de ler o desfecho. E falando nisso, o final é digno de um livro da Jojo Moyes. Me lembrou muito de outro livro dela chamado A Última Carta de Amor.

O único ponto negativo é que a trama é muito curta para uma dessas quatro mulheres (sem spoilers). Senti falta de saber o que aconteceu com ela. Por outro lado, em certo ponto o livro é centrado em uma protagonista. Não é ruim, aliás, a história dela foi a que eu mais gostei, mas acaba que as outras duas ficam mais avulsas. Mas cada uma teve a sua personalidade muito bem construída, o que é ótimo.

 

Gostei muito deste livro, especialmente do final! E você, já leu?

Um beijo e até o próximo post!

 

Boas e baratas |Top 5 Máscaras de Cílios da Essence

Olá, pessoal! Já contei aqui no blog algumas vezes que eu estou completamente apaixonada pela Essence. A marca de maquiagem alemã desembarcou aqui no Brasil em setembro e trouxe vários produtos lindos. Eu amo todos (inclusive fiz essa make linda usando só produtos Essence), mas tenho um fraco pelas máscaras de cílios. Sério, a marca tem VÁRIAS máscaras e eu tenho estoque aqui em casa, todas maravilhosas!

Eu sou tão apaixonada pela Essence que resolvi fazer um Top 5 das minhas máscaras de cílios favoritas da marca. Vocês vão ver que algumas são feitas para dar MUITO volume, outras alongam e por aí vai. Ou seja, é quase impossível decidir qual é a melhor. Bora conferir essa lista?

1. Volume Hero Power Black

Meus cílios são beeem fininhos, então, quando escolho uma máscara de cílios, gosto daquelas que causam um super volume. Justamente pelo nome, a Volume Hero promete exatamente isso, MUITO volume de uma forma milagrosa. O que eu mais gosto nela é o pincel fininho, que encaixa de um jeito prático e alcança até aqueles cílios mais difíceis. Também gosto de construir camadas com ela e muitas vezes ela dá conta do recado sozinha, sem necessidade de combinar com outra máscara. É maravilhosa DEMAIS e conta com fórmula ultra pigmentada e longa duração, mas não é a prova d’água, ok? Sai em média R$ 34,90 (preço incrível).

2. Lash Princess – Volume

Foi a primeira máscara de cílios da marca que eu testei e o amor foi instantâneo! A embalagem é um charme e lembra os corpetes que eram usados antigamente, né? Quando aplico, sinto o pincel realmente preenchendo todos os cílios, sem deixar aquele aspecto grudadinho que a gente odeia. Ah, e apesar de não ser à prova d’água, ela dura o dia inteirinho. Juro: passo de manhã e quando vou tirar a maquiagem à noite, ainda tem produto. O valor é o mesmo: R$ 34,90.

3. Volume Stylist Curl & Hold 

Bom, nem só de volume se faz uma máscara de cílios, né? Escolhi a Volume Stylist Curl & Hold justamente por trazer uma proposta diferente, a de curvar e manter os cílios assim por até 18 horas. Para conseguir esse efeito, ela conta com uma cera cremosa na fórmula e um pincel levemente curvado que faz mágica. E dura mesmo, viu? Às vezes nem lembro que estou com ela e entro no banho. Resultado: saio parecendo um panda porque ainda tem produto lá. Mara demais! Também custa R$ 34,90.

4. I Love Extreme – Crazy Volume

É unânime: pode perguntar para todo mundo que ama Essence qual é o melhor produto da marca e todos vão responder que é a famosa máscara de cílios rosa. Eles já vendiam muito a I Love Extreme com embalagem preta e resolveram fazer a versão Crazy Volume, ou seja, com ainda mais volume. E olha, o resultado é impressionante! O pincel é bem largo e tem cerdas muito macias, ótimas para alcançar todos os cílios. O melhor de tudo é que ela é baratinha: R$ 29,90. Muito amor!

5. I Need a Miracle 

O nome dessa máscara já diz tudo: I Need a Miracle (eu preciso de um milagre). Pra oferecer esse resultado milagroso, ela conta com complexo de tingimento que fortalece os cílios e dá um pigmento natural lindo, além de volume extremo. O pincel tem formato de ampulheta e também alcança todos os cílios. O que eu gosto é que eles realmente ficam mais fortes, mesmo depois que eu removo a make. O valor é de R$ 34,90 e vale cada centavo.

 

 

E você, já testou alguma máscara de cílios da Essence?

Um beijo e até o próximo post!

Vem aí | As 6 tendências do outono/inverno 2019

Olá, pessoal! O outono/inverno já começou e é hora de tirar os casacos do armário. Eu sempre gosto de aproveitar a chegada da nova estação para pesquisar as principais tendências. O que eu posso dizer é que vai ser uma temporada bem diversificada, com novidades para todos os estilos. Eu gostei bastante e agora quero compartilhar tudo com vocês. Bora conferir?

Animal print 

Tá certo que a estampa de oncinha é um clássico, mas neste outono/inverno ela vai vir com tudo. O casaco de animal print (fake né gente, vale sempre lembrar) promete ser uma febre, mas não para por aí. Acessórios, como bolsas, sapatos e lenços, já pegaram carona na tendência. E não se espante se você encontrar a estampa em outras cores, tipo verde e amarelo. O inverno 2019 tem a missão de dar uma nova cara para aquilo que já conhecemos. Curtiu?

Tweed

Para quem não sabe, tweed é um tecido áspero de lã que tem tudo a ver com o clima de friozinho. Ele já vinha fazendo sucesso há alguns anos e foi uma das tendências do inverno passado, mas agora promete conquistar mais gente. Sou bem suspeita porque acho que o tweed é bem romântico, então já quero me jogar nessa trend. Ah, o tecido também vai aparecer como detalhe de bolsas e sapatos. Quero muito!

Country

O estilo country, que também tem presença garantida entre as tendências do outono/inverno, chega de uma forma mais agressiva (no bom sentido). Espere por muitas peças de couro em tons terrosos, cintos grossos com fivelas, aplicações de estrelas e spikes, franjas e, claro, a famosa bota de caubói. Acho essa proposta muito bacana, mas confesso que tenho uma certa dificuldade para entender como colocar peças country no meu dia a dia. Mas está lançado o desafio!

Neon

Olha o neon outra vez aí, gente! Quem achava que era coisa passageira (eu jurava que não ia durar muito), pode se preparar para ver muitas peças fluorescentes. A tendência continua em alta e agora invade peças de inverno, como casacos, botas e tênis. Aliás, quem for mais ousado e quiser apostar no look neon monocromático vai se dar muito bem. Eu sou mais discreta e ainda estou tentando inserir um pouco de neon nos meus looks. E aí, sim ou não?

Poncho

Influenciado pelo estilo country, o poncho promete chegar com tudo! Trata-se daquele casaco com uma pegada bem folk que é largo, pesado e totalmente fechado. Eu adoro e acho superquentinho, uma delícia para os dias mais frios. Só não sei se combina muito com o inverno brasileiro (em que só faz frio de verdade em algumas regiões do Brasil). Mesmo assim, tenho certeza de que as lojas vão investir em modelos mais discretos, como este preto da foto, e em outros com detalhes em xadrez. O que vocês acham?

Brilho

Inverno sem brilho não tem graça, né? Mas, desta vez, o foco não ficar com os tecidos metalizados. Eles até vão estar presentes, mas agora dividindo espaço com paetês, um couro mais brilhante, o brilho do efeito vinil e por aí vai. É aquela coisa, se é pra brilhar, vamos brilhar MESMO né, sem medo de ser feliz. Bom, aqui eu nem preciso falar porque sou completamente apaixonada por brilho. Só vale tomar cuidado para não ficar exagerado demais, ok?

 

E aí, gostou das novidades deste inverno?

Um beijo e até o próximo post!

Fotos: Pinterest 

6 tendências que você usou muito neste verão

Olá, pessoal! O verão está mesmo indo embora e é hora de começarmos a nos preparar para o outono. A próxima estação começa oficialmente amanhã (dia 20), então é aquele momento de olhar para os casacos que ficaram no fundo do armário. Enquanto o frio não começa de verdade, eu sempre gosto de fazer uma retrospectiva de tudo que foi tendência nesta temporada. Aliás, este é um post que já é uma tradição aqui no blog.

Quem gosta de acompanhar tendências viu que este verão foi ainda mais alegre do que já costuma ser. Tivemos muitas propostas coloridas e românticas, claro que eu amei, né? Fiz uma pesquisa rápida e acho que aderir a quase todas as tendências, sério. Bom, se você não consegue  se lembrar do que bombou nestes últimos meses, bora conferir o que foi destaque no verão?

Neon

As cores neon prometiam bombar e não é que foi isso mesmo? Foi praticamente impossível não encontrar pelo menos uma peça fluorescente nas coleções de verão. Se antes a gente achava estranho, hoje já vemos um look neon como algo bem estiloso. Até os acessórios, como bolsas, sapatos e brincos, entraram nessa brincadeira que tem tudo a ver com os anos 80. Se você ainda não se convenceu, prepare-se porque o neon vai continuar em alta no outono-inverno. Pelo menos é o que as marcas apostam!

Listras coloridas

As listras já vinham fazendo sucesso há um certo tempo, né? As clássicas continuaram em alta neste verão (especialmente nos macacões), mas as coloridas roubaram a cena. Não sei vocês, mas eu cansei de ver saias e calças com listras das mais variadas cores. Amo cores e amo listras, então me joguei sem medo nesta tendência. Aliás, acho que é uma ótima peça para dar uma nova cara ao look básico do dia a dia no verão. E você, também gosta?

Bolsa de palha

No quesito bolsas, não teve para mais ninguém neste verão: a bolsa de palha foi uma febre. Pequena, grande, redonda, tipo cesto… Todo mundo encontrou um modelo para fazer bonito não só na praia, mas fora dela também. Eu adorei, acho que deixa o look mais divertido e combina com tudo, desde aquele visual pós-praia até com jeans e camiseta. Fora que as pequenas e redondas (tipo essa que a Cami Coutinho está usando na foto) são um charme. Tomara que continue em alta!

Macacão Pantacourt

Outra febre do verão, né? Na verdade, era até fácil imaginar que esta peça faria sucesso. Afinal, temos aqui um mix de dois itens que ganharam nossos corações há um tempo: macacão + pantacourt. O modelo que eu mais encontrei nos últimos meses foi o listrado (de várias cores), mas era possível achar de todos os tipos. Para mim, o que eu mais gosto no macacão pantacourt é que ele é extremamente confortável e elegante. Além de ser muito versátil. Comprei dois modelos e vejam bem: até pouco tempo, eu odiava pantacourt. Ainda bem que os gostos mudam!

Biquíni ombro a ombro 

Euzinha bem plena na praia com o modelo mais confortável de biquíni da vida

Confesso que já fui mais apegada com tendências de moda, mas tem algo que ainda me deixa viciada: moda praia. É só o verão chegar que eu já fico de olho em qual biquíni ou maiô vou comprar. Neste ano, pedi de Natal um biquíni ombro a ombro com babados. Vi algumas fotos da Nah Cardoso e queria um modelo assim para mim. Encontrei esse laranja da Riachuelo e fiquei com medo de terminar com uma marca bizarra de sol, mas me enganei completamente. É o mais confortável de todos, especialmente para quem ama mergulhar no mar. Ah, teve também muita opção sem os babados. Tomara que continue em alta no próximo verão pra eu continuar usando. É mara!

Dad Sneakers

Quando os tênis de solado grosso apareceram, lá no finzinho do último inverno, eu podia jurar que seria algo passageiro. É o tipo de peça polêmica que a gente usa e depois acha feio. Fui começando a ver com os outros olhos e até ganhei um modelo bem bonitinho de uma marca. E foi assim: mais e mais pessoas foram usando e o Dad Sneaker (também chamado de Chunky Sneaker) se tornou o tênis do verão. Ah, continua achando feio? Pois pode começar a se acostumar, já que ele promete repetir o sucesso no outono-inverno. Vamos aguardar!

 

E você, lembra de outra tendência que deu o que falar neste verão?

Um beijo e até o próximo post!

Fotos: Pinterest 

5 tendências em sapatos do outono/inverno 2019

Olá, pessoal! Estamos nos aproximando da segunda quinzena de março, o que significa que é hora de pensar na temporada de outono/inverno. A nova estação começa oficialmente no próximo dia 20 e as tendências de moda não param de chegar. Na verdade, as trends da temporada foram apresentadas há um tempinho, então nós já sabemos o que virá por aí.

Logo na segunda semana de janeiro, assim que voltei de viagem de férias, fui visitar a feira Couromoda. O evento acontece aqui em São Paulo e reúne as principais tendências em calçados e acessórios para o outono/inverno. Foi a minha primeira vez nessa feira e achei as marcas muito receptivas. Deu para entender muito bem o que vai nos deixar doida. Aliás, já posso adiantar que está tudo MARA e eu já vi que vai ser difícil resistir haha…

Como sei que muita gente aqui também pira com novidades, separei as 5 principais tendências do momento. Claro que você não precisa comprar tudo (eu mesma não vou aderir a todas), mas falar sobre o assunto é sempre bom, né? 🙂

Animal print

Este mule MARAVILHOSO é da nova coleção da Usaflex

Bom, a estampa de onça é um clássico e sempre aparece entre as tendências de outono/inverno. Mas agora ela vai vir com tudo. Sério, não teve um stand que eu visitei na feira que não tinha um sapato com animal print. Prepare-se para ver a estampa em tudo, até mesmo em botas (aliás, quero MUITO uma bota de onça). Sou suspeita porque sempre amei essa tendência, então já sei que vou usar em medo. Você também gosta?

Croco e Snake print

Bota lindinha da Beira Rio (esta temporada será de botas de cano curto)

Porque nem só de onça se faz uma estampa né mores? Os meses mais frios de 2019 também terão estampas de crocodilo e cobra entre as tendências (claro que tudo fake, ok?). Já deu para perceber que será um momento de sermos bem peruas, né? Confesso que não curto muito o croco print, mas já comecei a olhar com outros olhos. Não sei se compraria, mas é um ótimo calçado para destacar aquele look básico do dia a dia. O que vocês acham?

Country

Achei esta bota da Cravo e Canela um luxo!

Entra inverno, sai inverno e lá está o country reinando entre as tendências. Confesso que até eu achava que não tinha como dar mais destaque para esse estilo, mas fiquei surpresa lá na feira. Realmente, TODAS as marcas pegaram carona na ideia do country e apresentaram calçados superestilosos. Espere por botas com fivelas e tachas, tênis com aplicações de estrelas e cores terrosas. Não sei se combina comigo, mas eu adoro peças country. E vocês?

Mostarda

Sapatos de todos os estilos na cor mostarda – coleção da Loucos & Santos

A cor mostarda foi uma das tendências do outono/inverno do ano passado. Eu não botava fé, mas muita gente usou e até derrubaram aquele mito de que loiras não podem usar tons amarelados. E não é que o tom mostarda promete repetir o sucesso, talvez até ganhar mais adeptos, nesta temporada? A cor apareceu em todos os stands que eu visitei na feira. E se a gente pensar, faz sentido. Afinal, a cor combina com tudo e todas as ocasiões. Bora investir?

Dad (ou Chunky) Sneakers

Mais uma das novidades da coleção da Loucos & Santos – esses tons de rosa estão um charme, né?

É, quem pensava que os Dad Sneakers ficariam no inverno passado se enganou. Os tênis de solado grosso – também chamados de Chunky Sneakers – viraram febre em 2018 e até eu usei. Mas como ele é bem polêmico, achei que não duraria muito. Bom, o calçado é novamente uma das tendências do momento. Ah, agora com solados ainda mais grossos. Eu já aprendi a olhar para eles de outro jeito, até acho estilosos, mas vamos ver quanto tempo vai durar. O que vocês acham?

 

E aí, qual dessas tendências você não vê a hora de usar?

Um beijo e até o próximo post!